Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Felipe Melo provoca caos e Drogba elogia ‘espírito de leão’

Brasileiro desencadeou batalha campal ao ser expulso e provocar torcida rival

O volante brasileiro Felipe Melo acumulou mais uma expulsão na carreira – e na saída de campo, no domingo, acabou provocando uma batalha campal no clássico entre Besiktas e Galatasaray, no Estádio Inönü Stadyumu, em Istambul. O Galatasaray de Felipe venceu por 2 a 1, mas o resultado ainda precisa ser confirmado pela federação local, já que o jogo teve de ser interrompido depois do episódio envolvendo o brasileiro. Nos minutos finais, Felipe cometeu uma falta violentíssima em Ramon e levou o cartão vermelho. Depois de muita confusão com os adversários no gramado, ele deixou o jogo mostrando a camisa do Galatasaray aos torcedores rivais, que acabaram se revoltando e invadindo o campo. Ainda assim, o atacante Didier Drogba defendeu o colega brasileiro.

Acompanhe VEJA Esporte no Facebook

Siga VEJA Esporte no Twitter

“Cumprimos nossa missão. Estou muito orgulhoso da minha equipe e da reação que tivemos. Nosso espírito foi de leão”, afirmou o artilheiro marfinense depois da partida. Drogba criticou muito a torcida adversária. Os jogadores tiveram de correr para os vestiários para evitar prováveis agressões. Em sua conta no Instagram, Drogba postou uma foto dos torcedores de seu clube e escreveu: “Nós temos vocês, eles não têm. É triste que um jogo tão grande tenha terminado assim. Pelo fair play e por uma imagem melhor dos torcedores turcos”, escreveu o atleta. Enquanto espera a confirmação do resultado, o Galatasaray se prepara para voltar a campo no sábado, em casa. A equipe também disputa a Liga dos Campeões da Europa, com Real Madrid, Juventus e Copenhague no Grupo A.

(Com agência Gazeta Press)