Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Felipe Anderson e Gabigol comandam goleada da seleção olímpica sobre os EUA

Equipe que se prepara para a Rio-2016 encerrou o ano com uma vitória, de virada, por 5 a 1 no Mangueirão, em Belém.

A seleção brasileira que se prepara para a Olimpíada de 2016 no Rio de Janeiro voltou a deixar boa impressão neste domingo. Jogando no Mangueirão, em Belém, a equipe sub-22 goleou os Estados Unidos, de virada, por 5 a 1. Felipe Anderson, da Lazio, e Gabriel Barbosa, o Gabigol do Santos, foram os destaques da partida.

Este foi o quinto e último amistoso da seleção olímpica em 2015. Antes, havia perdido para a França por 2 a 1, na Europa, em setembro, goleado a República Dominicana (6 a 0) e Haiti (5 a 1), ambos na Arena Amazônia, em Manaus, em outubro e vencido a própria seleção americana por 2 a 1, no Recife, na última quarta-feira.

Rio-2016: seleção masculina de futebol joga primeira fase em Brasília e Salvador

O jogo – Em Belém, os visitantes marcaram primeiro, logo aos 6 minutos do primeiro tempo. Após cobrança de falta pela direita, o zagueiro Marlon, do Fluminense, subiu para tentar cortar, mas marcou contra. O gol de empate saiu no fim do primeiro tempo, aos 43. Rodrigo Caio, do São Paulo, lançou Gabriel pela direita. O atacante santista invadiu a área livre e tocou rasteiro para igualar. O técnico Rogério Micale preferiu fazer várias mudanças na equipe para o segundo tempo e o Brasil voltou em ritmo acelerado.

Logo no início, Felipe Anderson, que havia entrado na primeira etapa no lugar do lesionado Valdivia, do Inter, recebeu passe de Gustavo Scarpa pelo lado direito da área e chutou firme para a defesa do goleiro Cody Cropper. Ele mesmo pegou o rebote e marcou o gol da virada. O próprio Felipe Anderson ampliou aos 17 minutos, em cobrança de falta de longa distância, sem chances para o goleiro americano. A partir daí a defesa dos Estados Unidos se abriu e o Brasil goleou de forma impiedosa.

Aos 36, Luan, do Grêmio, foi à linha de fundo e tocou para trás. O lateral Fabinho, do Monaco, chutou, Crooper deu rebote e Gabigol marcou o quarto. Dois minutos depois, o próprio Luan fechou o placar ao completar boa jogada entre Gabigol e Gabriel Jesus, do Palmeiras.

(da redação)