Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Felipão respeita sondagem do São Paulo, mas ironiza especulações

O técnico Luiz Felipe Scolari afirmou mais uma vez que não tem a intenção de deixar o Palmeiras ao término desta temporada. Depois de ficar sabendo do contato do São Paulo com o presidente Arnaldo Tirone, Felipão elogiou a postura do rival, mas reiterou que planeja cumprir seu contrato no Palestra Itália.

‘O presidente (Tirone) veio e conversou comigo, dizendo que havia sido contatado por dirigente do São Paulo, que queria saber se poderia conversar comigo. Como o presidente respondeu que ‘não’, ninguém conversou comigo. Foi uma atitude corretíssima de uma direção para a outra. E correta também do Tirone, que espera contar comigo e disse ‘não”, afirmou o treinador.

O contato foi tornado público por Tirone, que recebeu o telefonema do diretor de futebol do Tricolor, Adalberto Baptista, antes de o rival contratar Emerson Leão. Felipão, por sua vez, alega que não conhece o dirigente do São Paulo.

Apesar de elogiar o respeito entre os dois clubes, o treinador palmeirense se mostrou irritado por ter seu nome envolvido em diversas especulações para a próxima temporada.

‘Tudo que organizei na minha vida está acontecendo, com minha família aqui. Agora, falam de Anzhi ou ‘Juli’, de São Paulo, Cruzeiro, Fluminense… Devo ter uns cinco pré-contratos’, ironizou, até inventando o nome de um clube.

O vínculo de Felipão no Palmeiras se estende até o fim de 2012, e Tirone repete o discurso de que não tem a intenção de trocar o treinador.