Clique e assine com até 92% de desconto

Felipão reclama de Luis Fabiano e pede contratação de dois reforços

Por Da Redação 15 jul 2012, 21h48

O clássico contra o São Paulo proporcionou ao Palmeiras mais um momento de êxtase pela dedicação do elenco, em função da busca pelo empate no clássico com um a menos em campo. No entanto, o técnico Luiz Felipe Scolari também reclamou de possíveis atos de indisciplina do atacante Luis Fabiano, principal estrela do Tricolor neste domingo.

Por isso, o gaúcho reclamou da atuação do árbitro Péricles Bassols Cortez, que expulsou o zagueiro Henrique na etapa final. ‘Não concordei, 30 minutos antes o Luis Fabiano deu uma cotovelada no Henrique e ele achou normal. Depois, o Henrique entrou forte e foi expulso. E aí o Luis Fabiano deu outra cotovelada, na cara do nosso jogador e não acontece nada’, esbravejou.

Ao falar das virtudes palmeirenses, Felipão concorda que a superação da equipe depois da expulsão de Henrique deve ser vista como louvável. No entanto, ele avisa que só a raça não será suficiente para o Palmeiras melhorar no Campeonato Brasileiro – equipe segue na zona de rebaixamento ao fim da nona rodada, com seis pontos.

‘Não sei até quando vamos estar com o coração em dia para ter a estabilidade que nos dê a tranquilidade no Campeonato Brasileiro’, comentou o treinador.

Até por isso, Scolari pede publicamente a chegada de dois reforços para o grupo campeão da Copa do Brasil. ‘Solicitamos a vontade de ter mais um volante e um meia. Vamos conversar novamente, já que não fizemos a reunião específica para tratar sobre isso’, disse.

Por fim, Felipão ainda demonstrou incômodo com a decisão da diretoria em adiar a apresentação do atacante Obina, já que o clube resolve as últimas questões burocráticas do contrato. Afinal, o Verdão amarga uma série de desfalques – que podem chegar a sete atletas – para o jogo contra o Coritiba.

‘Espero que o Palmeiras apresente o Obina e que ele seja inscrito no tal do BID (Boletim Informativo Diário). Se apresentar e não for inscrito, não terei o jogador’, encerrou o campeão da Copa do Brasil-2012.

Continua após a publicidade
Publicidade