Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Felipão lamenta empate no fim: ‘Não estamos aliviados’

Por Da Redação 13 nov 2011, 20h04

O gol do Grêmio nos acréscimos atrapalhou a luta do Palmeiras contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro. O técnico Luiz Felipe Scolari explicou que não pensa no longo jejum sem vencer na competição, e sim na briga para se livrar do risco de queda para a segunda divisão.

‘O problema não são os nove jogos sem vencer. A questão é que com os três pontos de hoje (domingo) nós poderíamos respirar aliviados para o resto do campeonato. Mas não estamos aliviados. Tivemos um desempenho muito melhor do que nos últimos quatro ou cinco jogos, mas o Grêmio mostrou reação e raça para conseguir o empate’, afirmou.

Depois de quatro derrotas consecutivas no Brasileirão, o Palmeiras desperdiçou a chance de reagir neste domingo. No duelo no estádio Olímpico, a equipe paulista abriu a vantagem de dois gols com Cicinho e Marcos Assunção. Porém, Brandão e Fernando empataram para os gaúchos.

‘Vamos fazer o quê? Valorizamos o empate, embora estivéssemos com a vitória praticamente assegurada. Os dois gols saíram em contra-ataques do Grêmio. Quando a fase não é boa, acontece isso. O importante para nós foi o ponto e a forma como a equipe se comportou, porque não vinha assim’, acrescentou o treinador alviverde.

Com uma sequência de nove jogos sem triunfos, o Palmeiras aparece com 42 pontos e ainda está ameaçado de rebaixamento. ‘Não vamos ficar enganando nosso time. Com 42, nós corremos o risco. Quem tem 44 não se preocupa com mais nada’, ponderou o comandante.

Continua após a publicidade
Publicidade