Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Felipão aprova dupla de meias, mas rejeita atacar como índio

O técnico Luiz Felipe Scolari gostou do desempenho do Palmeiras com Valdivia e Daniel Carvalho juntos, mas adverte que a dupla só será formada em algumas circunstâncias. Apesar do poder ofensivo do Verdão com os atletas, o treinador alerta para a dificuldade no setor defensivo.

‘Vou compor o time que eu achar interessante para cada jogo. Quando jogam Cicinho e Juninho, eles são 90% apoiadores. Se ficar todo mundo atacando como índio, pelo amor de Deus. Não podemos ficar como na guerra dos Estados Unidos, com os índios atacando com facas e levando respostas de rifles. Quem sobra?’, comparou.

Na noite deste sábado, diante da Ponte Preta, Felipão apostou em um esquema diferente, aproveitando a ausência de Maikon Leite, suspenso. Assim, Barcos ficou como único atacante de ofício, enquanto Valdivia e Daniel Carvalho atuaram na armação.

A dupla de meias do Verdão deu origem ao primeiro gol do clube na partida. O camisa 83 tabelou com o chileno e fez a assistência para Juninho completar para as redes. Os dois meio-campistas tentaram também ajudar na marcação, mas Felipão reconhece a dificuldade da dupla na defesa.

‘Ninguém discute a qualidade técnica dos dois, e sim o posicionamento quando não temos a bola. Isto precisa ser acrescentado a um e a outro. Podemos jogar desta forma em determinados jogos, mas em outros nem pensar. E precisamos trabalhar no lado do campo, tenho isso com o Maikon Leite, enquanto Daniel e Valdivia são mais centralizados’, acrescentou.

Mesmo com a cautela do comandante, o elenco alviverde aprovou a dupla. O volante Marcos Assunção, que marcou o segundo gol na vitória por 2 a 1, no Pacaembu, ficou satisfeito com o empenho dos colegas.

‘Foi muito bom. Eles têm qualidade nos passes e dribles, além de ajudarem na marcação. E o importante foram os três pontos’, ponderou o capitão palmeirense.

Com o resultado positivo da noite deste sábado, o Palmeiras assumiu a liderança provisória do Campeonato Paulista, mas pode ser ultrapassado pelo rival Corinthians no domingo.