Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Feldmann é suspenso por se recusar a fazer antidoping

Por AE

Rio – A Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA) anunciou que Alceu Feldmann, que compete na Stock Car, foi suspenso por dois anos pela Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). Neste ano, durante a etapa do Velopark da categoria, a terceira da temporada 2012, o piloto se recusou a realizar um exame antidoping.

“O piloto Alceu Feldmann foi punido com dois anos de suspensão, a contar do julgamento, por decisão, unânime, da Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva, realizado no dia de ontem, 3 de julho de 2012, em virtude de ter se negado a efetivar o exame antidoping durante a 3a etapa do Campeonato Brasileiro de Stock Car, realizada no final de semana do dia 04 a 06 de maio de 2012, no Autódromo Velopark, Rio Grande do Sul”, afirmou a CBA.

Inicialmente, no fim de maio, Feldmann foi suspenso por 30 dias. Assim, ele voltou a competir na Stock no último fim de semana, quando participou da etapa de Londrina. Ele alega que usa uma substância proibida, mas para fins terapêuticos, com a liberação da CBA.

Como não possuía um documento formal que permitiria o uso da substância, ele se recusou a fazer o exame antidoping durante a etapa do Velopark. O regulamento da Agência Mundial Antidoping, porém, aponta a recusa da realização do teste como tão grave quanto a presença de uma substância proibida no exame. Por isso, recomenda a suspensão por dois anos, que foi adotado nesse caso pelo STJD.