Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Favorita ao ouro no boxe, Beatriz Ferreira estreia com vitória

Lutadora baiana venceu a taiwanesa Shih-Yi Wu e garantiu uma vaga nas quartas de final

Por Da Redação Atualizado em 30 jul 2021, 08h04 - Publicado em 30 jul 2021, 06h38

A boxeadora Beatriz Ferreira, uma das principais favoritas a medalha da delegação brasileira, estreou bem nos Jogos e Tóquio na madrugada desta sexta-feira, 30. A atleta baiana de 23 anos, campeã mundial em 2019 e atual líder do ranking, passou com facilidade pela taiwanesa Shih-Yi Wu e garantiu uma vaga nas quartas de final da categoria entre 57 e 60kg.

Beatriz acertou bons jabs e socos, se defendeu bem, e venceu por decisão unânime da arbitragem após três rounds. “Não foi fácil. Estava pronta, confiante e conseguindo executar o que estudamos o tempo todo. Sou o alvo, então eles me estudam, tenho que estudar também. E sempre estudei. Tenho uma excelente equipe, que consegue facilitar o meu trabalho, falando e combinando o que devo fazer. O atleta tem que sentir confiança e executar o trabalho. Deu certo”, afirmou Beatriz ao COB.

  • Campeã Pan-Americana em Lima-2019, ela se disse satisfeita com sua primeira luta olímpica. “É maravilhoso estar aqui. Estava louca para estrear. Demorou um pouquinho, mas agora vai embicar e acabar rapidinho.” Bia voltará ao ringue na próxima terça-feira 3 de agosto, para o duelo contra a cazaque Raykhona Kodirova. Quem vencer já garantirá no mínimo a a medalha de bronze, pois no boxe ambos os semifinalistas derrotados são premiados no pódio.

     

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade