Clique e assine com 88% de desconto

Familiares afirmam que Schumacher chora ao ver belezas naturais na Espanha

Motivo da compra de residência, na região de Maiorca, seria a recuperação do piloto, segundo revista francesa

Por Da redação - Atualizado em 24 ago 2018, 16h10 - Publicado em 24 ago 2018, 09h24

A revista francesa Paris Match divulgou uma reportagem revelando que a propriedade comprada pela família do ex-piloto de Fórmula 1 Michael Schumacher, na aldeia de Andraxt, em Maiorca, foi adquirida para ajudar na recuperação do alemão, que sofreu graves lesões cerebrais após acidente de esqui em dezembro de 2013. Familiares próximos contaram que ele chora com as belezas naturais do local.

De acordo com a publicação, o tratamento para recuperação do alemão envolve o contato com memórias do passado, como os momentos felizes que o ex-piloto passou com a família no local — que tem uma forte presença da cultura germânica e reúne propriedades de personalidades do esporte do país, como Boris Becker, Toni Kroos e o ex-ciclista Jan Ullrich.

Sem se comunicar e com movimentos limitados, o ex-piloto se emociona quando está na região espanhola, de acordo com dois familiares próximos. “Quando você o coloca em sua cadeira de rodas de frente para o magnífico panorama das montanhas, com vista para o lago, Michael às vezes chora“, informaram.

Na semana passada, a revista suíça L’Illustré divulgou uma entrevista com a prefeita de Andraxt, Katia Rouarch, afirmando que o ex-piloto estaria se mudando para a casa, adquirida por 30 milhões de euros (cerca de 132 milhões de reais). No dia seguinte, tanto a prefeitura quanto a agente do alemão, Sabine Kehm, negaram a mudança da família, que ainda vive na Suíça.

Publicidade