Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Falta de gols incomoda Maikon Leite no Palmeiras

Por Da Redação - 6 out 2011, 13h40

Por AE

São Paulo – O longo jejum de gols está incomodando Maikon Leite. O jogador, que marcou apenas duas vezes com a camisa do Palmeiras até o momento, não balança as redes desde o dia 10 de julho, quando fez na vitória por 3 a 0 diante do Santos, ainda pela nona rodada do Campeonato Brasileiro.

Durante os treinos desta semana, o técnico Luiz Felipe Scolari chegou a cobrar do atacante um melhor aproveitamento no trabalho de finalizações. “Está mais do que na hora de acertar o pé. Vamos acertar e buscar esse gol”, declarou Maikon Leite, em entrevista à TV Bandeirantes.

Está certo que o jogador passou por uma lesão muscular, que o deixou cinco jogos afastado da equipe, mas sua fase e a de todo setor ofensivo palmeirense não é mesmo boa. Com apenas 33 gols marcados, o Palmeiras tem um dos piores ataques do Campeonato Brasileiro. Para piorar, boa parte destes gols saíram dos pés do volante Marcos Assunção e dos zagueiros e volantes.

Publicidade

Apesar desta queda de rendimento do setor ofensivo, Maikon Leite segue confiando na conquista da vaga para a Libertadores. No momento, o Palmeiras está na oitava colocação, com 40 pontos, quatro atrás do Fluminense, última equipe que hoje garantiria vaga no torneio. “Vacilamos, mas estamos três, quatro pontos atrás. Dá para chegar na Libertadores. Tem chance e ninguém vai desistir, não”, garantiu.

Para retomar o ânimo no Brasileirão e buscar a vaga, nada melhor que uma vitória em um clássico: o Palmeiras enfrenta o Santos, domingo, na Vila Belmiro. Principalmente para Maikon Leite, que já atuou pelo adversário. “Jogar contra o ex-time é sempre uma sentimento a mais”, admitiu o atacante.

Publicidade