Clique e assine a partir de 8,90/mês

Falcioni provoca e diz que Boca tem que jogar como o Colo-Colo contra ‘La U’

Por Da Redação - 20 jun 2012, 20h28

Santiago (Chile), 20 jun (EFE).- A imprensa chilena publicou nos últimos dias que para reverter a derrota por 2 a 0 no jogo de ida das semifinais da Taça Libertadores, na semana passada, o Universidad do Chile precisa jogar contra o Boca Juniors como jogou o Arsenal de Sarandí, que venceu os ‘xeneizes’ por 3 a 0 no último domingo.

A derrota fez com que a Boca praticamente desse adeus às chances de título do Torneio Clausura argentino. Para ser campeã, a equipe terá que vencer no próximo domingo e ainda torcer por tropeços de Tigre e do próprio Arsenal.

O técnico da equipe de Buenos, Julio César Falcioni, deu o troco nesta quarta-feira, véspera do duelo decisivo no Estádio Nacional, em Santiago, e afirmou que quer que sua equipe atue como o Colo-Colo, que bateu ‘La U’ por 2 a 0 no confronto de ida pelas semifinais do Apertura chileno.

‘Se ‘La U’ quer jogar contra nós da mesma forma que o Arsenal, nós vamos jogar como o Colo-Colo atuou diante deles’, disse Falcioni, começando a briga psicológica de um duelo que promete ser bastante tenso dentro de campo.

Apesar da provocação, o treinador elogiou ao time do Universidad e principalmente ao técnico adversário, o também argentino Jorge Sampaoli.

‘Elês tem um bom time, são muito decididos, e na ida se acostumaram rápido ao nosso estádio, além de terem atuado com velocidade. Nada está decidido. Vamos fazer um grande esforço para conseguir um bom resultado, mas estaremos diante de um técnico sério, que trabalha bem’, destacou.

Falcioni confirmou ainda que a única dúvida na escalação é o zagueiro Juan Manuel Insaurralde, que deve ser substituído por Matías Caruzzo. Já Clemente Rodríguez voltará a ser titular na lateral-esquerda. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade