Falcão faz mistério e não confirma Kleberson no Bahia

Por Da Redação - 1 jul 2012, 07h16

Por Tiago Décimo

Salvador – Ciente de que vai enfrentar um dos candidatos ao título do Campeonato Brasileiro, o técnico do Bahia, Paulo Roberto Falcão, ídolo e ex-treinador do Internacional, o adversário deste domingo, às 16 horas, no estádio de Pituaçu, em Salvador, pela 7.ª rodada do Campeonato Brasileiro, mantém em segredo o que preparou para a partida. Desde a última quinta-feira, todos os treinos que realiza com os jogadores são fechados para torcedores e imprensa.

Uma das novas estrelas do time, o meia Mancini, aprova a atitude. “Nos treinos fechados, temos mais tranquilidade para trabalhar as jogadas”, afirmou. A equipe vai ter novidades na comparação com o que conseguiu um empate (1 a 1) com o Figueirense, no último fim de semana, em Florianópolis. O meia Gabriel, recuperado de lesão, deve voltar à equipe ocupando a vaga de Jones. O zagueiro Titi, que cumpriu suspensão automática na última rodada, também retorna.

Por outro lado, o lateral-esquerdo Ávine foi vetado pelo departamento médico do clube para fazer um trabalho exclusivo de fortalecimento muscular por pelo menos uma semana. O volante Hélder deve ser improvisado na vaga. A principal dúvida é sobre a possível estreia de Kleberson, meia contratado do Flamengo que já tem condições de jogar pelo Bahia. O próprio jogador alimenta o mistério. “Se dependesse de mim, eu já começaria jogando, mas vamos esperar o domingo para ver o que o time treinou”, despistou.

Publicidade