Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

F1: Hamilton lidera 2º treino para o GP da Rússia

Tricampeão deu o troco no companheiro Rosberg, líder isolado da temporada, que havia sido o mais rápido na primeira sessão desta sexta-feira em Sochi

Em busca de uma reação na temporada 2016 da Fórmula 1, o tricampeão Lewis Hamilton começou bem a disputa do GP da Rússia. Nesta sexta-feira, o piloto britânico foi o mais rápido da segunda sessão de testes no Circuito de Sochi e deu o troco em seu companheiro de Mercedes e líder isolado do campeonato, Nico Rosberg, que havia dominado a primeira sessão de treinamentos do dia.

Hamilton vem enfrentando dificuldades neste início de campeonato, com seguidos problemas no carro e alguns erros. Ele sabe que precisa reagir logo, pois está 36 pontos atrás do líder Rosberg, que venceu as últimas seis corridas – três no encerramento da temporada de 2015 e três neste ano.

Hamilton fechou a segunda atividade desta sexta com o tempo de 1min37s583. O esperado domínio da Mercedes foi desafiado pelo alemão Sebastian Vettel, da Ferrari, que fez o segundo melhor tempo, 0s652 mais lento do o britânico. O tetracampeão Vettel, no entanto, só participou de 60 dos 90 minutos do treino por causa de problemas eletrônicos no carro.

Leia também:

F1: Hamilton admite incômodo com vantagem de Rosberg

“A F1 era melhor quando eu era um ditador”, dispara Ecclestone

Hamilton decreta: “Não preciso ser amigo de Rosberg”

Líder da sessão matinal, Rosberg focou a sua participação no segundo treino livre mais em simulações para a corrida e concluiu a atividade em terceiro lugar com o tempo de 1min38s450. Mais cedo, ele havia liderado a primeira atividade com o tempo de 1min38s127.

O finlandês Kimi Raikkonen, da Ferrari, foi o quarto colocado, seguido pelo australiano Daniel Ricciardo, da Red Bull. Em sexto lugar ficou o finlandês Valtteri Bottas, da Williams, seguido pelo outro carro da Red Bull, do russo Daniil Kvyat, o piloto da casa. Já o inglês Jenson Button conseguiu colocar a sua McLaren na oitava colocação.

O brasileiro Felipe Massa, da Williams, teve desempenho discreto: terminou a primeira sessão em quinto e a segunda em nono, com o tempo de 1min39s28 – uma posição à frente do espanhol Fernando Alonso, da McLaren. Assim como Massa, o compatriota Felipe Nasr não brilhou e terminou com o 19º lugar no segundo treino em Sochi. Seu companheiro de Sauber, o sueco Marcus Ericsson foi o 20º e último colocado.

Os pilotos voltam ao circuito de Sochi neste sábado, quando serão realizados o terceiro treino livre e a sessão de classificação do GP da Rússia, marcada para as 9 horas (de Brasília). O horário é o mesmo da largada da quarta etapa da temporada 2016 da Fórmula 1 no próximo domingo.

(com Estadão Conteúdo)