Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

F1: Equipe de Gene Haas vai disputar temporada 2015

Americano de 61 anos também é dono de uma equipe da Nascar

O empresário americano Gene Haas obteve nesta sexta-feira a licença junto à Federação Internacional de Automobilismo (FIA) para entrar na Fórmula 1 em 2015. A equipe será a 12ª no grid da categoria a partir da próxima temporada. Os americanos não têm um time na Fórmula 1 desde a Penske, que correu na década de 1970. Haas, de 61 anos, também é dono da equipe Stewart-Haas Racing, da Nascar.

Leia também:

Fórmula 1 confirma Grande Prêmio em Interlagos até 2020

F1: Hamilton lidera último teste no Bahrein. Felipe Nasr é 10º

F1: Como funciona a Mercedes que ganhou tudo até agora

Seu interesse em entrar na F1 já era conhecido, e o próprio Bernie Ecclestone, chefão da categoria, indicara recentemente que o empresário entraria no grid. “Agora o verdadeiro trabalho vai começar. Será um desafio colocar nossos carros no grid”, disse Haas. Em 2010, fracassou o sonho americano de colocar um carro na Fórmula 1 depois que a equipe USF1, que queria entrar na categoria ao lado da Caterham e Marussia, falhou por não honrar os compromissos financeiros.

Próximas provas
Data Local Autódromo
20/04 China Xangai
11/05 Espanha Barcelona
25/05 Mônaco Monte Carlo
08/06 Canadá Montreal
22/06 Áustria Red Bull Ring
06/07 Inglaterra Silverstone
20/07 Alemanha Hockenheim
27/07 Hungria Budapest
24/08 Bélgica Spa-Francorchamps
07/09 Itália Monza
21/09 Cingapura Marina Bay
05/10 Japão Suzuka
12/10 Rússia Sochi
02/11 Estados Unidos Austin
09/11 Brasil Interlagos
23/11 Abu Dhabi Yas Marina
As equipes e pilotos
Equipe Pilotos
Red Bull Sebastian Vettel (Alemanha) Daniel Ricciardo (Austrália)
Ferrari Fernando Alonso (Espanha) Kimi Raikkonen (Finlândia)
McLaren Jenson Button (Grã-Bretanha) Kevin Magnussen (Dinamarca)
Lotus Pastor Maldonado (Venezuela) Romain Grosjean (França)
Mercedes Nico Rosberg (Alemanha) Lewis Hamilton (Grã-Bretanha)
Sauber Esteban Gutiérrez (México) Adrian Sutil (Alemanha)
Force India Nico Hulkenberg (Alemanha) Sérgio Pérez (México)
Williams Felipe Massa (Brasil) Valtteri Bottas (Finlândia)
Toro Rosso Daniil Kvyat (Rússia) Jean-Eric Vergne (França)
Caterham Kamui Kobayashi (Japão) Marcus Ericsson (Suécia)
Marussia Jules Bianchi (França) Max Chilton (Grâ-Bretanha)

(Com Estadão Conteúdo)