Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Exposição da Ferrari e aplicativo comemoram os 50 anos de Schumacher

Ex-piloto alemão sete vezes campeão da F1 faz aniversário dia 3 de janeiro e continua em tratamento de saúde. Faz cinco anos que sofreu acidente de esqui

O Museu Ferrari vai inaugurar em 3 de janeiro, em Maranello (Itália), uma exposição dedicada a Michael Schumacher, enquanto a fundação Keep Fighting lançará um aplicativo para os fãs nesse mesmo dia, em comemoração ao aniversário de 50 anos do piloto alemão sete vezes campeão de Fórmula 1.

“Estamos em contato com diversos fãs, nas redes sociais, e a família Schumacher deseja passar uma imagem forte e orgulhosa de Michael, e não essa de 29 de dezembro…”, – data do acidente de esqui que o piloto sofreu em 2013, disse Sabine Kehm, porta-voz da família.

Kehm é responsável pela comunicação de Schumacher desde o acidente – nenhum boletim sobre a sua saúde foi publicado nesses cinco anos.

Schumacher “foi vítima de graves ferimentos na cabeça” e “nunca mais foi visto em público”, disse a Ferrari em comunicado de apresentação da exposição, que terá o nome de “Michael 50” e é organizada em conjunto com a fundação Keep Fighting, criada há dois anos pela família Schumacher. A fundação também cria emoticons batizados de “Schumojis”.

“Nossa intenção é de ao mesmo tempo comemorar e mostrar nossa gratidão pelo piloto mais bem-sucedido da história da Ferrari”, escreveu a escuderia, que Schumacher defendeu entre 1996 e 2006, conquistando cinco títulos (2000-2004).

Em paralelo, um aplicativo em inglês e alemão, o “Official Michael Schumacher App”, permitirá aos fãs visitarem virtualmente a coleção privada dos carros de corrida da carreira de Schumacher, exibidos permanentemente no Motorworld de Colônia, na Alemanha. Poderá ser baixado a partir do dia 3 de janeiro, para iOS e Android.

“É um museu virtual, muito rico em conteúdo e em tecnologia”, explicou a Keep Fighting. Os fãs poderão ver carros “em 3D” e ouvir “o som dos motores”. O aplicativo também terá uma entrevista inédita de Schumacher de 2013, após sua aposentadoria das pistas.