Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ex-zagueiro Fernando Couto deixa o Braga para treinar equipe indiana

(Corrige título).

Lisboa, 17 jan (EFE).- O ex-zagueiro Fernando Couto, que defendeu a seleção portuguesa na Copa do Mundo de 2002 e atuou por clubes como Porto, Barcelona e Lazio, deixou a função de diretor do Braga para treinar um time de futebol de Calcutá ainda não definido.

‘Sempre tive e nunca escondi a ambição de assumir um dia a carreira de treinador’, declarou o ex-jogador em comunicado, publicado nesta terça-feira pela imprensa portuguesa.

Fernando Couto foi um dos convidados internacionais a participar da Premier League Soccer (PLS) da Índia, um campeonato recém-criado que começará sua caminhada oficial no dia 25 de fevereiro e será encerrado em 8 de abril.

Os técnicos selecionados, entre os quais estão os ingleses John Barnes e Colin Todd, serão distribuídos entre seis equipes ainda não definidas.

Cada um dos novos clubes conta a sua disposição com um orçamento de cerca de 2 milhões de euros e um máximo de quatro jogadores estrangeiros de renome, segundo os organizadores.

Fernando Couto, que terminou no ano passado o curso de nível quatro de treinador, considerou a mudança ‘um desafio enorme’ e disse que pretende ajudar a colaborar para que o futebol na Índia tenha bases firmes.

‘Trata-se de um convite prestigioso e uma oportunidade para aplicar no campo todos os conhecimentos que adquiri ao longo da minha carreira’, declarou.

O português agradeceu pelos dois ‘anos fantásticos’ no Braga, com o qual presenciou vários sucessos históricos, como a final da Liga Europa, perdida para o Porto, e a participação inédita na fase de grupos da Liga dos Campeões, ambos os feitos alcançados na temporada passada. EFE