Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ex-jogador holandês Fernando Ricksen morre aos 43 anos

Ex-defensor do Rangers e da seleção holandesa lutava havia seis anos contra a Esclerose Lateral Amiotrófica

O ex-jogador holandês Fernando Ricksen morreu nesta terça-feira, 18, aos 43 anos, em um hospital psiquiátrico na cidade de Airdrie, na Escócia. Ídolo do Rangers e com passagens pela seleção holandesa, ele lutava havia seis anos contra a Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA), doença degenerativa incurável que ataca o sistema nervoso.

Aposentado desde 2013, quando anunciou que tinha a doença, Ricksen deixa esposa, Veronika, e filha, Isabella. As dificuldades enfrentadas pelo ex-jogador em seus últimos anos de vida foram retratadas em um documentário da Sky Sports, Fernando Ricksen: Hard Times.

O Rangers lamentou a morte de ex-lateral, que defendeu o clube de Glasgow entre 2000 e 2006 e conquistou dois campeonatos escoceses, duas Copas da Escócia e três Supercopas.

“É uma notícia terrível para todos no Rangers e, sobretudo para sua jovem família. Em nome de todo o clube, envio as condolências. Ele foi um jogador fantástico e teve uma carreira de sucesso”, afirmou o atual técnico da equipe, o ex-jogador inglês Steven Gerrard. Principal rival do Rangers, o Celtic também prestou solidariedade.

 

Entre 2000 e 2003, Ricksen disputou 12 jogos pela seleção holandesa. Depois da passagem pelo Rangers, ele ainda passou pelo Zenit, pelo qual conquistou a Copa da Uefa e a Supercopa da Uefa de 2008, além de um Campeonato Russo. O clube de São Petersburgo também prestou homenagens ao ex-atleta em suas redes sociais.