Clique e assine com até 92% de desconto

Eurocopa-2016: Rússia será excluída se torcida repetir incidentes

Federação russa ainda foi multada pelos distúrbios provocados pelos torcedores, que ainda incluíram insultos raciais contra jogadores negros da Inglaterra

Por Da Redação 14 jun 2016, 11h08

A Rússia será desqualificada da Eurocopa se novos incidentes de violência envolvendo seus torcedores se repetirem dentro de estádios que recebem a competição na França. A decisão foi anunciada nesta terça-feira pelo Comitê Disciplinar da Uefa, em um reflexo imediato dos conflitos ocorridos no último sábado, no jogo contra a Inglaterra, em Marselha, onde as duas seleções empataram por 1 a 1 pela primeira rodada do Grupo.

A Uefa ainda multou a Federação Russa de Futebol em 150.000 euros (cerca de 585.000 reais) pelos distúrbios provocados pelos torcedores, que ainda incluíram insultos raciais contra jogadores negros da Inglaterra e lançamentos de sinalizadores durante a partida do último sábado.

Confronto entre hooligans ingleses e russos deixa torcedor em estado crítico

Segundo a Uefa, a Rússia já recebeu uma “desqualificação em suspenso até o final do torneio”. Ou seja, levou uma punição que será aplicada se atos envolvendo torcedores de sua seleção acontecerem nos próximos jogos. A seleção russa vai enfrentar a Eslováquia nesta quarta-feira, em Lille, e depois fechará a primeira fase contra o País de Gales, em Toulouse, na próxima segunda.

O empate por 1 a 1 entre Rússia e Inglaterra aconteceu em um jogo realizado sob um clima extremamente tenso depois de uma série de conflitos envolvendo torcedores nas ruas de Marselha nos dias que antecederam o duelo e poucas horas antes da partida. Torcedores ingleses, conhecidos como hooligans, também protagonizaram atos de violência.

(Com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade
Publicidade