Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

EUA estreiam no basquete masculino com massacre sobre a China

Com todos os jogadores dos EUA pontuando, Kevin Durant e Carmelo Anthony se destacaram na partida

O Dream Team dos Estados Unidos estreou nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro neste sábado e justificou o apelido de “Time dos Sonhos”. Frente à seleção da China, os americanos não tiveram dificuldades para vencer por 119 a 62.

Com todos os jogadores dos EUA pontuando, Kevin Durant e Carmelo Anthony se destacaram na partida. Com 25 pontos, Kevin Durant e o chinês Jianlian Yi terminaram como cestinhas do jogo válido pelo Grupo A dos Jogos Olímpicos.

O primeiro quarto foi um passeio. Os chineses até começaram abrindo o marcador em lance livre, porém, os norte-americanos logo encaixaram um bom jogo e abriram 13 pontos de vantagem. Com oito pontos de Kevin Durant, os astros fecharam o primeiro quarto em 30 a 10.

O segundo quarto foi onde a China mais pontuou, porém, sem mudar o panorama da partida. A cada cesta dos chineses na Arena Carioca o público ia a loucura. Com duas bolas de três, Kevin Durant, novo jogador do Golden State Warrios, abriu 52 a 24 para o Dream Team. Ao final do primeiro tempo: 59 a 30, com 17 pontos de Durant e nove de Carmelo Anthony.

No terceiro tempo permaneceu a supremacia norte-americana. Com a marcação dos EUA menos preocupada, a China até chegou a acertar algumas boas bolas, mas não conseguiu uma reação. Kirye Erving, que não havia marcado ainda na partida, fez 12 pontos e ajudou a fechar em 91 a 47.

Nos 10 minutos finais, o Dream Team manteve a larga vantagem. No final do último quarto, Carmelo Anthony deixou a quadra, em um dia especial para o jogador que participa de sua quarta Olimpíada, um recorde na história do basquete norte-americano. Com 51 rebotes contra 27 dos chineses, os norte-americanos mostraram muita superioridade e fecharam em 119 a 62.

(Com agência Gazeta Press)