Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Espanha destronada: imprensa mundial destaca fim de ciclo

Jornais de Madri e Barcelona cravaram 'o término da geração gloriosa'

A eliminação da atual campeã Espanha, logo na segunda rodada da Copa do Mundo no Brasil, foi destaque na imprensa esportiva mundial nesta quinta-feira. Os diários espanhóis trataram a derrota para o Chile no Maracanã como o “fracasso mundial” e “o fim de uma geração gloriosa”. Iker Casillas, Xavi Hernández e Vicente Del Bosque foram reverenciados por sua trajetória, mas, de acordo com a imprensa local, devem deixar a seleção e dar lugar a atletas mais jovens.

O principal diário esportivo espanhol, Marca, estampou uma foto de Andrés Iniesta desolado, com a chamada “The end. Lamentável final da época mais gloriosa da Roja”. Para o jornal As, “foi lindo enquanto durou” e o “Maracanã marcou o fim de uma geração gloriosa”. A crônica, intitulada “Adeus Espanha; La Roja é o Chile”, afirma que os atuais campeões jogaram novamente sem alma, após seis anos de sucesso – de 2008 para cá, a Espanha conquistou duas Eurocopas e a Copa do Mundo de 2010.

Leia também:

Espanha perde para o Chile e é eliminada

Holanda derrota Austrália em ótimo jogo

Espanha é a seleção mais valiosa da Copa; Brasil é 3º

Imprensa espanhola se espanta com goleada da Holanda

Holanda surpreende e vence Espanha com goleada humilhante

O diário catalão Sport elegeu uma foto do chileno Alexis Sánchez consolando Iniesta (ambos atletas do Barcelona) com a chamada “fracasso mundial”. O jornal ainda destaca o “Maracanazo à Espanhola”. “O sonho era ser coroada no Maracanã como a melhor seleção da história, mas a realidade foi que o Maracanã confirmou o fim de um ciclo”, é o trecho do texto, que ainda relembra a derrota da Espanha para o Brasil, no mesmo estádio, na Copa das Confederações do ano passado. “A Espanha abdicou diante do Chile” e “O Mundial horribilis do Santo’ Casillas” são outras manchetes do Sport. Já em sua edição digital, o jornal esnobou a eliminação da seleção e destacou que o goleiro do Chile, Omar Bravo, será reforço do Barcelona na próxima temporada.

Vingança – Na Alemanha e na Itália, países derrotados pela Espanha nas últimas finais de Eurocopa, a eliminação espanhola foi vista com certa satisfação. A imprensa alemã destacou ‘a morte do tiki-taka’, em referência ao estilo de jogo, baseado na posse de bola, que consagrou a seleção espanhola nos últimos seis anos. “Espanha, agora vocês são só história” escreveu o jornal Bild. O Der Spiegel trata a Espanha como “campeã ridicularizada”.

Na Itália, o La Gazzetta dello Sport traz em sua capa: “Espanha em choque: A queda dos deuses” sobre uma fotografia do zagueiro Sergio Ramos cobrindo o rosto com a camiseta. O jornal esportivo destaca, além disso, que os campeões do mundo foram eliminados no dia em que o rei Juan Carlos abdicou do trono espanhol, o que marca “o fim de um ciclo extraordinário”. O mesmo tom serve de manchete para o jornal Il Corriere della Sera, que aponta que “A Vermelha está morta”. Este jornal comparou a Espanha a um “touro atordoado, indefeso e humilhado”.

Diários espanhois destacam eliminação da seleção na Copa do Mundo Diários espanhois destacam eliminação da seleção na Copa do Mundo

Diários espanhois destacam eliminação da seleção na Copa do Mundo (/)

(Com agência EFE)