Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Equilibrado, torneio feminino começa sem favorita em Roland Garros

Um dos torneios mais importantes do tênis feminino chega à sua 111edição sem uma tenista despontando como favorita. Com cinco campeãs diferentes em suas cinco últimas edições Roland Garros mantém a escrita de equilíbrio em sua disputa e inicia neste domingo a briga por um dos mais importantes Grand Slams, com possibilidade de dois confrontos entre duas Top 10 já nas quartas de final.

Prova do equilíbrio da do aberto francês é a presença das quatro últimas campeãs na atual edição. Ana Ivanovic, da Sérvia, Svetlana Kuznetsova, da Rússia, Francesca Schiavone, da Itália, e Na Li, da China, iniciam a busca pelo bicampeonato sem adversárias ameaçadoras. A desafiante mais bem colocada no ranking da WTA é Sorana Cirstea, 43colocada, que enfrenta Na Li, a atual campeã.

Número 1 do mundo, Victoria Azarenka estreia diante da italiana Alberta Brianti em busca de seu primeiro título no torneio, onde nunca ultrapassou as quartas de final. Ameaçando a liderança da bielorrussa, a russa Maria Sharapova enfrenta a Roma Alexandra Cadantu, em busca de sua primeira final no aberto.Caso chegue às quartas de final, a número dois do mundo pode enfrentar a americana Serena Williams, quinta colocada do ranking, que na primeira rodada enfrenta a francesa Virginie Razzano. Campeã em 2002, Serena vê em Rolang Garros a confirmação de sua recuperação, após longo período de lesões.Na Li, sétima colocada no Ranking da WTA, e Petra Kvikova, número 4 do mundo, são outras que podem fazer confronto entre duas top 10 já nas quartas de final. Antes disso, porém, chinesa e tcheca precisam passar, entre outras, por Sorana Cirstea e Ashleigh Barty, suas adversárias na estreia, respectivamente.

Terceira colocada no ranking e embalada pelo título do Torneio de Bruxelas, Radwanska, que estreia contra a sérvia Bojana Jovanovski, pode encarar a americana Venus Williams logo na segunda rodada, caso esta vença o duelo diante da argentina Paula Ormaechea.Campeã em 2010 e vice no último ano, Francesca Schiavone é outra que vem embalada por título. Neste sábado, a italiana conquistou o Torneio de Estrasburgo, incentivo a mais para o duelo contra a japonesa Kimiko Date-Krumm, número 73 do mundo.

Segundo Grand Slam do ano, Roland Garros tem início neste domingo. Dentre os confrontos do primeiro dia de competição, destaque para a estreia de Venus Williams, na quadra central, e de Ana Ivanovic, campeã em 2008, contra a espanhola Lara Arruabarrena, na quadra Suzanne Lenglen.