Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Enviem currículos: Mercedes faz piada com vaga aberta

Principal escuderia da Fórmula 1 divulgou um anúncio de emprego fictício enquanto busca um substituto para o campeão Rosberg

A principal vaga da Fórmula 1 está aberta desde a surpreendente aposentadoria do campeão Nico Rosberg. A escuderia Mercedes, no entanto, não parece desesperada a encontrar um substituto para o alemão e até brincou com a situação nesta quinta-feira, ao publicar um anúncio de emprego fictício.

Veja também

A oportunidade de emprego foi publicada na revista britânica Autosport na coluna ‘piloto disponível’.  “Como parte da equipe itinerante, você será responsável pela operação de um carro de F1 em eventos de pista como demonstrações, testes e grandes prêmios”, diz o anúncio. “O ideal é que você tenha experiência de condução comprovada em habilidades como guiar, frear e, em particular, acelerar. A posse de uma Super Licença da Federação Internacional de Automobilismo (FIA) será uma vantagem.”

Entre outros talentos exigidos, além de ser “motivado e com um grande desejo de sucesso”, estão demonstrar “extrema paciência diante da atenção da mídia” e ser capaz de identificar claramente os pontos fortes e fracos dos adversários. O anúncio da Mercedes ressalta ainda os “benefícios” aos quais seu futuro funcionário terá direito, que incluem “restaurantes subsidiados, seguro de vida, plano médico particular, academia no local e um esquema de arrendamento do carro da empresa.”

Concorrentes – A Mercedes não deu muitas pistas sobre seu futuro piloto, mas existe muita especulação na imprensa europeia. O alemão Pascal Wehrlein, de 22 anos, reserva da equipe que correu com a Manor neste ano, é o favorito das casas de apostas para correr ao lado do tricampeão mundial Lewis Hamilton na próxima temporada.

A casa William Hill reduziu suas apostas de 9/4 para 4/7 na quarta-feira, e o piloto finlandês Valtteri Bottas, hoje na Williams, é o segundo favorito com a cotação de 5/2.  O chefe da Mercedes, Toto Wolff, disse ao canal de televisão Sky Sports que está disposto a fazer uma ‘escolha corajosa’, ecoando as palavras que usou sobre Rosberg quando o alemão comunicou sua decisão.

“Precisamos do cara mais rápido, que cometa o mínimo de erros e entenda que este é um esporte de equipe”, disse o austríaco. O espanhol Fernando Alonso também é cotado para assumir o posto, mas a McLaren já avisou que não pretende dispensá-lo.

(com agência Reuters)