Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Entorno do Maracanã será fechado 5 horas antes da final

Prefeitura pede que torcedores priorizem o transporte público para chegar ao estádio que receberá a partida decisiva entre Brasil e Espanha, a partir das 19h

A prefeitura do Rio apresentou nesta sexta-feira o esquema especial de mobilidade que será montado para a final da Copa das Confederações, entre Brasil e Espanha, às 19 horas deste domingo, no Maracanã. A principal novidade é o fechamento de todo o entorno do estádio já cinco horas antes do apito inicial e uma hora antes da abertura dos portões.

Leia: À distância, Brasil e Espanha alimentam acirrada rivalidade

Como aconteceu nas outras partidas do torneio realizadas no Maracanã, a prefeitura pediu que os torcedores com ingresso utilizem preferencialmente os sistemas de trem e metrô. Também pelo fato de o trânsito estar bloqueado, a prefeitura sugere que os motoristas evitem aquela região da cidade.

Leia também:

Exaurida, Espanha busca energias para duelar com o Brasil

Itália mostrou que a Espanha pode ser batida, diz Parreira

Fotos exclusivas: em Fortaleza, vândalos atacam antes do jogo

Os torcedores que apresentarem o ingresso da final terão direito à gratuidade no trem e no metrô no domingo, a partir do meio dia, conforme já havia sido anunciado anteriormente pelo Governo do Rio. Na saída do Maracanã ao fim do jogo, as estações a São Francisco Xavier, São Cristóvão e Maracanã também vão aceitar a apresentação do ingresso em troca da liberação da catraca.

A operação contará com 735 controladores da CET-Rio e agentes da Guarda Municipal, incluindo guardas de trânsito e controle urbano. O Centro de Operações Rio (COR) vai monitorar a área do evento com 42 câmeras.

Confira todas as estatísticas e lances do duelo entre Espanha e Itália

(Com Estadão Conteúdo)