Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Em visita a obras de Museu Pelé, Rei aconselha Ganso a ficar no Santos

Maior jogador de futebol de todos os tempos, o Rei Pelé esteve presente a um evento em Santos, na tarde desta segunda-feira, vistoriando as obras do museu que está sendo construído em sua homenagem. Na companhia do ministro dos esportes, Aldo Rebelo, dentre outras autoridades da política nacional, o Atleta do Século XX causou um grande alvoroço no centro da cidade.

Apesar disso, Pelé não deixou de dar os seus primeiros palpites sobre futebol no ano, inclusive aconselhando o meia Paulo Henrique Ganso a permanecer no Santos.

‘Acho que ele deve ficar, o meu conselho é para que ele fique’, disse o Rei, que lamentou a rixa entre o grupo DIS e o Peixe, donos dos direitos econômicos do jogador.

Segundo Pelé, tudo poderia ser resolvido de uma maneira melhor, caso as duas partes passassem a se entender.

Além disso, o eterno camisa 10 santista acredita que a suposta quantia oferecida pelo Porto para a compra dos 45% dos direitos econômicos pertencentes ao clube, com uma proposta em torno dos 8 milhões de euros (cerca de R$ 18 milhões) – valor não confirmado pela cúpula alvinegra -, não deve ser o suficiente para fazer Ganso trocar a Vila Belmiro pelo futebol português.

‘O Ganso é um excelente jogador, todos nós sabemos disso. Mas ele em condições físicas vale muito mais do que isso. Eu não ouvi qual foi a proposta e não tive a oportunidade de conversar com a diretoria para saber se a oferta foi realmente essa. É difícil responder, porém, na minha opinião ele Vale muito mais do que isso’, comentou.

Apesar da primeira negativa do Santos, os Dragões prometem não desistir e devem tentar acertar a transferência do meia até esta terça, data limite para negociações no futebol europeu. Um emissário do Porto está no Brasil e busca um acordo com o Peixe para que Paulo Henrique Ganso possa defender ainda nesta temporada o atual campeão português.