Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Em São Paulo, Brasil tenta se vingar da Polônia e retomar liderança

Por Da Redação 7 jun 2012, 18h02

Após três tropeços no tie-break nas primeiras etapas da Liga Mundial, a Seleção Brasileira masculina de vôlei entra em quadra paras as partidas no Brasil com dois objetivos claros: vencer a Polônia pela primeira vez nesta temporada e retomar a liderança do Grupo B.

Além dos poloneses, a equipe nacional também enfrenta o Canadá e a Finlândia, a partir desta sexta-feira, no Ginásio Adid Moyses Dib, em São Bernardo do Campo, região metropolitana de São Paulo.

Antes dos jogos no Brasil, as equipes do Grupo B da competição já se enfrentaram em Toronto, no Canadá, e em Katowice, na Polônia.Na primeira etapa, o time comandado pelo técnico Bernardinho foi superado pelos anfitriões e pelos poloneses. No segundo encontro, os brasileiros conseguiram a revanche contra a seleção canadense, mas mais uma vez perderam no tie-break para o time da casa.

A reação dos poloneses após a vitória, que também os colocou no topo da tabela, irritou alguns jogadores brasileiros, que consideraram desrespeitosas as declarações dos adversários depois do jogo e agora esperam pela ‘vingança’ com o apoio da torcida verde e amarela.

‘Quando a gente vencia, a gente nunca fazia isso com ninguém. Então, eu acho que agora é a hora de entrar com a faca nos dentes para vencê-los e passar à semifinal. A gente tem que aproveitar a energia da torcida para a gente conquistar esses pontos para ir à diante’, declarou o levantador Bruninho.

Com 14 pontos, a Polônia lidera o Grupo B da Liga Mundial, dois pontos à frente da Seleção Brasileira. O Canadá é o terceiro colocado, com seis, e a Finlândia segura a lanterna, com quatro pontos conquistados. Além da anfitriã Bulgária, apenas os líderes de cada grupo e o melhor segundo colocado se classificam para a próxima fase.’Fizemos jogos bastante equilibrados com a Polônia nas duas primeiras rodadas, perdendo apenas no tie-break. A diferença é que agora estamos melhor preparados e vamos jogar em casa. Acredito que temos condições de somar nove pontos nessas partidas que vamos fazer em São Bernardo, o que nos levaria ao primeiro lugar da chave’, declarou o central Rodrigão.

Os treinamentos para a etapa brasileira tiveram início na manhã da última quarta-feira e contaram com uma presença especial: o ponta Giba, que retornou às atividades após uma cirurgia na tíbia, e realizou o seu primeiro coletivo com a equipe brasileira. No entanto, a volta do jogador às quadras deve acontecer apenas na etapa da Finlândia, no próximo fim de semana.

O técnico Bernardinho, octacampeão da Liga Mundial, declarou que a disputa deste ano está servindo como preparação para os Jogos Olímpicos de Londres, que acontecem entre os dias 27 de julho e 12 de agosto, fato que aumenta a importância da classificação do Brasil para a fase final da competição.

Para retomar a liderança, o Brasil precisa vencer as três partidas que acontecem nesta semana em São Bernardo do Campo. Sempre às 9h45 (de Brasília), a Seleção Brasileira enfrenta a Finlândia nesta sexta-feira, o Canadá no sábado e a Polônia no domingo.

Continua após a publicidade
Publicidade