Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Em nova crise com Adriano, Corinthians pega o Guarani

Por Da Redação - 10 mar 2012, 08h50

Por Vítor Marques

São Paulo – O Corinthians vinha de uma vitória importante na Copa Libertadores e o ambiente era de paz para a partida deste sábado, às 18h30, contra o Guarani, no Pacaembu, pela 13.ª rodada do Campeonato Paulista. Mas Adriano, que seria titular e foi vetado de última hora, é pivô de mais uma crise dentro do clube. O atacante não joga neste sábado e também não viaja ao México para enfrentar o Cruz Azul, na próxima quarta.

Bastante irritado na entrevista coletiva, o técnico Tite barrou o atacante. E a diretoria também precisou se explicar. Apoiou o treinador e falou em “deficiência técnica” do jogador. “Ninguém joga no Corinthians com o nome”, disse o diretor de futebol Roberto de Andrade.

A decisão de rescindir o contrato de Adriano só não foi tomada ainda porque o contrato dele termina em junho e o clube teria de pagar uma multa ao atleta. Adriano só sai hoje se houver um acordo entre ambas as partes. “O futuro dele depende o exclusivamente do Adriano, não é o Corinthians renova com ele, é ele quem renova com o Corinthians”, afirmou o dirigente.

Publicidade

No treino da tarde, Tite colocou Elton entre os titulares e Adriano foi treinar entre os reservas.

Agora ele passará mais uma semana treinando com o objetivo de perder peso (ele precisa emagrecer pelos menos mais três quilos) e melhorar fisicamente.

Sobre o jogo deste sábado, o técnico disse que vai poupar titulares porque a partida contra o Nacional, do Paraguai, na última quarta, foi muito desgastante para os atletas. E como há outro jogo pela Libertadores,na próxima quarta, contra o Cruz Azul, os titulares não pegam o Guarani. “Se colocá-los em campo há o risco de lesão”.

A dupla de zaga será formada por garotos que ganharam a Copa São Paulo de Futebol Júnior (Marquinhos e Antônio Carlos). No meio, Gomes, outra revelação, ganha chance no time. Dos jogadores mais badalados, entram em campo Douglas, Willian e Emerson.

Publicidade