Clique e assine a partir de 9,90/mês

Em nota, Verdão diz ter ética e regras de boa conduta no mercado

Por Da Redação - Atualizado em 19 jul 2016, 13h51 - Publicado em 2 jun 2012, 18h02

O Palmeiras divulgou na tarde deste sábado uma nota oficial confirmando o repúdio sobre as acusações recebidas do Flamengo em relação ao meia Ronaldinho Gaúcho. O time carioca alega que o Verdão aliciou o atleta enquanto ainda havia um contrato vigente com o clube da Gávea.

Em texto assinado pela presidência, o Palmeiras garante respeitar seus adversários. O clube diz que trabalha com ‘ética e regras de boa conduta com seus parceiros’.

Ainda por cima, a nota oficial confirma a declaração do diretor jurídico Piraci Oliveira à reportagem da GE.Net de que o Verdão irá tomar atitudes sobre a notificação recebida do Flamengo. Com a acusação do assédio, o time da Gávea ameaça buscar uma indenização de R$ 325 milhões junto ao Verdão.

Acompanhe abaixo a nota oficial do Palmeiras:

A Sociedade Esportiva Palmeiras vem a público esclarecer que recebeu uma notificação do Clube de Regatas Flamengo, alegando ‘ter evidências’ de tratativas entre o Palmeiras e seu ex-atleta, Ronaldinho Gaúcho, durante a vigência do contrato de trabalho.

A esse respeito, cabe esclarecer que a Sociedade Esportiva Palmeiras também vai notificar de forma contundente o clube carioca, expondo que em nenhum momento isso aconteceu. O Palmeiras sempre se pautou pela ética e regras de boa conduta com seus parceiros e adversários desportivos.

Por fim, expressamos nossa profunda insatisfação com o fato, deixando claro que não hesitaremos em procurar o Poder Judiciário por eventual abalo à nossa instituição.

É inadmissível que atos como esses passem sem responsabilização.

A Presidência

Continua após a publicidade
Publicidade