Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Em Londrina, Palmeiras tenta evitar novo vexame contra o ASA na Copa do Brasil

Crise financeira levou clube alagoano a transferir o jogo para o Paraná. Palmeiras precisa de vitória ou empate com gols para não repetir fiasco de 2002

Por Da Redação 15 jul 2015, 12h09

O Palmeiras quer manter o embalo do Campeonato Brasileiro – são quatro vitórias e um empate nos últimos cinco jogos – também na Copa do Brasil. A missão desta quarta-feira, porém, não é tão simples: depois de um decepcionante empate sem gols em casa, o Palmeiras volta a receber o ASA de Arapiraca, um antigo algoz, no jogo de volta da terceira fase da Copa do Brasil, às 22h (de Brasília). A equipe de Alagoas, que disputa a Série C do Brasileirão e passa por dificuldades financeiras, abriu mão de jogar em seu Estado. Para atrair mais lucros, transferiu o jogo para o estádio do Café, em Londrina (PR).

Para conseguir uma vaga nas oitavas de final, o Palmeiras precisa vencer ou empatar com gols. Em caso de novo empate em 0 a 0, a decisão irá parta os pênaltis. As lembranças do passado incomodam o Palmeiras: em 2002, o ASA obteve projeção nacional ao eliminar o clube paulista, na primeira fase da competição, em pleno Palestra Itália, em um dos maiores vexames da história alviverde.

Copa do Brasil: Figueirense elimina Botafogo com golaço

O técnico Marcelo Oliveira quer evitar riscos e afirmou que jogará com força máxima. Ele, porém, terá alguns desfalques: Arouca e Zé Roberto sentiram dores e não viajaram. O zagueiro Vitor Hugo se recupera de uma fratura na face e Leandro Almeida, que seria seu substituto, já atuou pelo Coritiba na Copa do Brasil. A zaga será formada por Victor Ramos e Jackson.

Já o ASA vive uma grave crise financeira, que inclui baixa média de público em Arapiraca. Por isso, a diretoria decidiu jogar no Paraná por uma cota de 400.000 reais, mais o pagamento de despesas da delegação (passagens áreas, hospedagem, alimentação e transporte). Além disso, a equipe alagoana conseguiu três patrocínios pontuais para a partida.

Também nesta quarta-feira, o Flamengo encara o Náutico, na Arena Pernambuco, às 22h. A equipe carioca entra em situação complicada, depois do empate em 1 a 1 na ida, no Maracanã. Às 21h, o Vasco faz o jogo de ida contra o América de Natal, em São Januário.

(com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade

Publicidade