Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Em jogo com final incrível, Porto perde para o Apoel e se complica no grupo G

Redação Central, 1 nov (EFE).- Obrigado a vencer o Apoel Nicósia depois de ter empatado com a equipe romena em casa, há 15 dias, o Porto foi derrotado por 2 a 1 nesta terça-feira, como visitante, e se manteve na terceira colocação do grupo G da Liga dos Campeões, vendo os concorrentes abrindo vantagem.

Surpresa da chave, o Apoel segue firme na primeira posição, agora com oito pontos. O vice-líder é o Zenit São Petersburgo, que derrotou o lanterna Shakhtar Donetsk por 1 a 0 na Rússia e chegou a sete. A equipe lusa tem quatro, dois a mais que os ucranianos.

O confronto disputado no estádio GSP, em Nicósia, foi morno até o finzinho, quando um gol ia mudando toda a rota dos acontecimentos, mas outro, marcado em seguida, devolveu os três pontos para a equipe anfitriã.

O primeiro gol foi marcado aos 42 minutos da etapa inicial. O atacante brasileiro Aílton, ex-Atlético-MG, sofreu pênalti, foi para a bola e deslocou o goleiro Helton com uma cobrança no canto esquerdo.

Na etapa final, o Porto até teve mais a bola, mas teve dificuldades para criar chances de gol. Até que, aos 44 minutos, Nuno Morais fez falta em James dentro da área. Hulk bateu bem e empatou.

Os portugueses nem bem comemoraram e já se viram em desvantagem um minuto depois. Depois de cruzamento da direita, a bola atravessou toda a área e chegou limpa para outro brasileiro, Gustavo Manduca, completar e fazer 2 a 1.

A quinta rodada do grupo D está marcada para o próximo dia 23. O Apoel irá até São Petersburgo encarar o Zenit, enquanto em Donetsk, Porto e Shakhtar farão o confronto dos desesperados. EFE