Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Em dia de ‘super-heroína’, Serena persegue ladrão e recupera celular

A número 1 do ranking mundial feminino foi roubada em um restaurante chinês mas reagiu rápido, indo atrás do homem que pegou o aparelho "por engano"

Considerada uma das maiores tenistas de todos os tempos, a americana Serena Williams deteve um ladrão que tinha roubado seu celular num restaurante de comida chinesa. A dona de 21 títulos de Grand Slam, que encerrou sua temporada depois da derrota nas semifinais do US Open, no início de setembro, relatou o incidente na quarta-feira em sua conta no Facebook, com uma montagem em que aparece vestida de “Super-Girl”.

“Ontem, no jantar, aconteceu uma coisa louca. Eu estava sentada, me deliciando com um prato de comida chinesa, e vi um cara parado ao meu lado. Algo (meu sexto sentido de super-heroína) me disse que voltaria a vê-lo. Meu telefone estava numa cadeira, mas senti que alguma coisa estava errada. Ele saiu correndo, mas eu fui rápida demais para ele. Em um instante, já estava em cima”, contou a americana.

Serena continuou a história, explicando que quando alcançou o ladrão perguntou se ele tinha pego o celular errado “por engano”. Segundo a tenista, o ladrão respondeu: “Nossa, o que eu fiz! Que confusão, realmente devo ter apanhado o celular errado”.Ela ainda conta que ao voltar ao restaurante foi ovacionada de pé pelos demais clientes: “Eu me senti orgulhosa. Só mostrei a todos os homens que estavam lá que eu posso me defender. É mais uma vitória para as mulheres. As mulheres não têm que ser vítimas, têm que ser heroínas”, completou Serena. As câmeras de segurança do estabelecimento flagaram o momento exato do roubo e do momento heroico de Serena. Confira o vídeo:

Leia também:

US Open: Serena vence irmã Venus e fica mais perto de marca histórica

Musa canadense desiste do US Open após pancada na cabeça

Tenista americano passa mal e sai carregado no US Open

(Com AFP)