Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Em busca de título estadual inédito, Salgueiro recebe o Santa Cruz

Por Da Redação 21 abr 2012, 20h01

Rebaixado à Série C do Campeonato Brasileiro, o Salgueiro vive sua redenção no Campeonato Pernambucano. ‘Intruso’ entre os times grandes classificados para a semifinal do Estadual, o Carcará tenta manter seu sonho do título inédito, diante do Santa Cruz, neste domingo, às 16 horas (de Brasília), no estádio Cornélio de Barro

Com 44 pontos somados, o time de Salgueiro encerrou a primeira fase do Pernambucano na terceira colocação, com a mesma pontuação do Santa Cruz, mas atrás do time coral nos critérios de desempate, e à frente do Náutico. Entre os destaques da equipe, o atacante Fabrício Ceará constatou o bom momento de sua equipe, mas sabe que não é permitido perder o foco nesta fase da competição.

‘Depois do rebaixamento, o torcedor voltou a ter motivos para ter orgulho da equipe e todo mundo gosta disso, principalmente nós, os jogadores. Mas até o Barcelona tropeça se não mantiver o objetivo em mente’, discursou o atleta, em entrevista para o ‘Diário de Pernambuco’.

Para enfrentar o Santa, o técnico Neco, que está na equipe desde a temporada passada, deverá ter todo o elenco à disposição. Mesmo diante de um dos grandes do estado, o atacante avisou que o Salgueiro não entrará de forma defensiva na partida deste domingo.

‘Em relação a nós, o Santa é uma equipe grande e as equipes grandes chegam aqui achando que vão encarar uma retranca. Mas nós não nos limitamos apenas a defender. Temos um elenco qualificado, com jogadores rápidos e sempre surpreendemos os nossos adversários’, avisou.

No Santa, a equipe vice-líder na primeira fase tenta confirmar a superioridade demonstrada ao terminar a campanha à frente do Carcará. Para o jogo deste domingo, o técnico Zé Teodoro não fez mistério: deve mandar seu time com o esquema de três zagueiros, recuando o volante Memo.

Com esta formação, Luciano Henrique é o responsável por municiar a dupla Geílson e Dênis Marques. O ex-flamenguista, inclusive, briga pela artilharia no Estadual, com 12 gols, um menos que Joelson, do Porto, mas que não atuará mais nesta competição. Embora confesse que ‘viva de gols’, Marques disse que pensa primeiro em conquistar o título estadual com o Santa, que ainda luta neste ano para subir à Série B do Brasileiro.

‘ É um jogo diferente por ser semifinal e temos que entrar mais ligados, ter mais determinação, foco e lutar com muita vontade porque quem tiver mais pegada e força de vontade vai vencer’, discursou.

Após a partida deste domingo, Santa Cruz e Salgueiro voltam a se enfrentar no dia 29 de abril, às 16 horas (de Brasília), no Arruda. Quem vencer o confronto enfrenta na final do Pernambucano ou Sport ou Náutico, que jogam também neste domingo, no estádio dos Aflitos.

Continua após a publicidade
Publicidade