Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Em busca de chance no São Paulo, Henrique compara Pan ao Mundial

No dia seguinte ao de seu primeiro gol pelo São Paulo desde a renovação de seu contrato, há mais de um mês, Henrique soube que terá de interromper sua busca pela chance que cobrou no time e ficará quase todo o mês de outubro fora do clube. Mas considera uma boa causa: defender a Seleção Brasileira sub-20 nos Jogos Pan-maericanos.

‘Estou muito feliz por mais essa convocação. Ser lembrado para defender a Seleção é sempre um privilégio e me encho de orgulho. Fizemos uma ótima campanha no Mundial Sub-20 e, com certeza, irei me esforçar para fazer o mesmo nos Jogos’, prometeu o atacante.

Foi exatamente o seu desempenho no Mundial sub-20 que o fez chamar mais atenção no Tricolor. Campeão, artilheiro e eleito o melhor jogador da competição, o atacante voltou da Colômbia dizendo que seu contrato com o São Paulo não tinha validade e, como pouco recebia oportunidades, iria sair.

O jogador de 19 anos, contudo, foi convencido pelos dirigentes a não só ficar, mas assinar um novo vínculo de cinco anos. Em campo, Adilson Batista já havia se revelado um admirador ao contar que pediu sua contratação no Atlético-PR. E Henrique passou a ter mais chances.

O atacante não resolveu quando foi titular, mas, nesse domingo, saiu do banco para fazer o primeiro gol do empate por 2 a 2 com o Botafogo e já imaginava as consequências do feito. ‘Todos querem jogar. Estou conquistando o meu espaço, a confiança do treinador. O São Paulo tem um ótimo elenco. É complicado conseguir uma vaga, mas estou muito feliz’, disse, antes de saber de sua convocação.

Além de Henrique, Ney Franco, técnico da Seleção sub-20, também chamou dois jogadores do São Paulo: o zagueiro Bruno Uvini e o lateral esquerdo Henrique Miranda. O trio deve se apresentar em 4 de outubro para iniciar a preparação visando os Jogos Pan-americanos de Guadalajara, no México, que serão disputados entre os dias 14 a 30 do próximo mês.

Os três só ficarão à disposição de Adilson Batista neste domingo, contra o Flamengo, no Morumbi, pelo Brasileiro, antes de se juntar à equipe da CBF. Com isso, Henrique não deve ser inscrito na próxima fase da Copa Sul-americana – o jogador ficou fora da lista inicial por estar no Mundial sub-20 e se irritou com o fato.