Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Em bela partida de Dátolo, Inter vence Santa Cruz-RS pelo Gauchão

Com seus titulares em campo, o Internacional venceu a segunda partida seguida na Taça Farroupilha. A equipe de Dorival Júnior derrotou o Santa Cruz-RS, fora de casa, por 2 a 1. Os gols foram marcados por Dátolo, maior destaque colorado na noite deste sábado, e Leandro Damião. Márcio Goiano descontou para o time da casa.

A má notícia da noite em Santa Cruz do Sul foi a lesão de D’Alessandro. O meia deixou o gramado aos 11 minutos do primeiro tempo (foi justamente Dátolo quem entrou em seu lugar) e, segundo o médico Guilherme Caputo, preocupa para a partida de terça, contra o The Strongest, pela Libertadores

Com 6 pontos, o Internacional lidera o Grupo 1 da Taça Farroupilha. A equipe volta a campo pelo Gauchão no sábado, quando receberá o Juventude, no Beira-Rio. O Santa Cruz-RS, que é o lanterna da chave buscará recuperação também no próximo sábado, em casa, contra o Ypiranga.

O jogo- O duelo começou em alta voltagem. Logo aos dois minutos, o Inter já levou perigo: D’Alessandro recebeu de Leandro Damião e obrigou o goleiro Wender a fazer grande defesa. Um minuto depois, nova defesa de Wender em chute do argentino. Além das chances coloradas de início, houve rispidez: aos seis, Damião levou amarelo por entrada violenta. No minuto seguinte, foi a vez de Creedence ficar amarelado

O Santa Cruz-RS chegou com perigo pela primeira vez aos nove minutos: Uillian limpou a marcação de Tinga e Kleber, mas chutou por cima. No minuto seguinte, D’Alessandro sentiu o músculo posterior da coxa e foi imediatamente substituído por Dátolo. Logo em sua primeira jogada, o argentino deu bom passe para Damião, obrigando Wender a fazer a defesa

Aos 18, Dátolo confirmou a fama de talismã: arriscou da entrada da área e Wender não conseguiu segurar o chute, abrindo o placar para o Internacional. Três minutos depois, o time de Dorival Júnior quase ampliou: Oscar fez boa jogada e cruzou para Dagoberto cabecear para fora.

O Inter prosseguiu com o controle do jogo, a partir de uma marcação em campo ofensivo. Aos 39, Dátolo obrigou Wender a espalmar um chute forte. Cinco minutos depois, quase o segundo: Nei cobrou falta no travessão, Dagoberto pegou o rebote, mas o goleiro do Santa Cruz-RS salvou. Aos 45, foi Muriel quem espalmou arremate de Roberto Jacaré, evitando o empate.

O segundo tempo começou com pressão do Inter, que estava sedento para definir o jogo. No entanto, a primeira boa chegada foi do Santa Cruz-RS: Uillian chutou forte com a perna esquerda, obrigando Muriel a espalmar a bola. Aos oito, porém, veio o segundo gol colorado: Leandro Damião encobriu Wender com um arremate de longa distância, marcando um golaço. Mas se engana quem pensa que o jogo ali se definiu. No minuto seguinte, o lateral Márcio Goiano acertou o ângulo de Muriel, descontando o placar.

Dátolo seguia sendo a principal arma do Inter. Aos 16, ele tabelou com Dagoberto e chutou na rede pelo lado de fora. Aos 19, ele recebeu de Kleber e tocou para Oscar, que serviu Damião, mas o chute do centroavante saiu desviado pela linha de fundo. Dois minutos depois, foi a vez de Oscar fazer boa jogada, mas parar nas mãos de Wender.

Mesmo que o jogo continuasse corrido e disputado, as principais chances eram sempre do Inter. Aos 36, Leandro Damião recebeu de Kleber e chutou por cima, com perigo. Três minutos depois, Dátolo fez mais uma grande jogada e tocou para o João Paulo, que chutou para fora. No fim, o Inter conseguiu segurar a tentativa de pressão do time da casa e saiu com uma merecida vitória.

Caxias perde outra – Campeão da Taça Piratini e já finalista do Gauchão, o Caxias não consegue repetir o grande desempenho na Taça Farroupilha. Neste sábado, a equipe grená perdeu a segunda partida seguida, desta vez em casa: 2 a 1 para o Veranópolis, de virada. O Caxias é o lanterna do Grupo 2, ao lado do Cerâmica. Nos outros jogos deste sábado, também pelo Grupo 2, o Cruzeiro-RS fez 3 a 2 no Avenida e o Pelotas goleou o Cerâmica por 3 a 0.