Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Eliminatórias: Kaká ‘herda’ camisa 10 de Neymar no Chile

<p>Meia do Orlando City voltará a usar a numeração na ausência do craque do Barcelona, que está suspenso das duas primeiras partidas do Brasil</p>

Por Da Redação Atualizado em 11 jan 2022, 18h13 - Publicado em 7 out 2015, 11h37

A CBF divulgou nesta quarta-feira a numeração oficial dos atletas da seleção brasileira para as primeiras partidas das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa de 2018, contra o Chile e Venezuela. Havia a expectativa sobre quem herdaria a camisa 10 de Neymar – que acumula suspensão da Copa América e não integra o grupo – e Kaká foi o escolhido. O meia de 33 anos, convocado para o lugar do cortado Philippe Coutinho, já havia vestido a camisa eternizada por Pelé em outras oportunidades, como na Copa de 2010, também com o técnico Dunga no comando.

Leia também:

Kaká, a dois gols de recorde na seleção, brinca: “Neymar vai atropelar tudo”

Brasil usará uniforme especial em apoio às vítimas de terremoto no Chile

‘Cada um sabe da sua vida’, diz Daniel Alves sobre recusa de Rafinha

A relação divulgada pela CBF também deu algumas pistas sobre a escalação, ainda que Dunga tenha fechado o treino da terça-feira à imprensa. O goleiro Jefferson, do Botafogo, recebeu a camisa 1, enquanto Marcelo Grohe, do Grêmio, que vinha agradando o treinador, ficou com a 12. Também pode haver disputa por posição na lateral-direita: Fabinho, do Monaco, ficou com a tradicional 2, e o experiente Daniel Alves, do Barcelona, vestirá a 15. O veterano Ricardo Oliveira, que retornou à seleção aos 35 anos, usará a camisa 9. O Brasil enfrenta o Chile na estreia, nesta quinta-feira, às 20h30 (de Brasília), no Estádio Nacional de Santiago.

CBF divulgou a numeração oficial dos atletas para os jogos contra Chile e Venezuela
CBF divulgou a numeração oficial dos atletas para os jogos contra Chile e Venezuela VEJA

(da redação)

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade