Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Éder Luis desfalca Vasco no domingo

O técnico do Vasco, Cristóvão Borges, foi informado durante o treino realizado na manhã desta quarta-feira, no centro de treinamento da Marinha, o Cefan, que não poderá contar com o atacante Eder Luis na partida deste domingo, às 16h(de Brasília), no Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC), contra o Figueirense pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro. Isso porque o jogador foi oficialmente vetado pelo departamento médico devido a um estiramento muscular na coxa direita.

Eder Luis já não tinha participado do treino de terça-feira e voltou a ficar ausente da atividade desta quarta-feira. O treinador, porém, vinha se recusando a falar de possíveis desfalques enquanto não existisse uma definição dos médicos. O treinador, porém, começa a se preocupar sobre qual formação que vai poder escalar no domingo, já que a lista de desfalques são grandes.

Para a vaga de Eder Luis o mais cotado é o Diego Souza, porém, o jogador recebeu uma proposta do Al-Ahli, da Arábia Saudita, que também abriu negociações com o Vasco. Fala-se que os valores são considerados muito positivos pelo Cruz-maltino e se a negociação sair antes do fim de semana Cristóvão Borges será obrigado a pensar em uma outra alternativa para o setor, comprometendo ainda mais a escalação.

A lista de problemas do treinador não se limita a Eder Luis e Diego Souza. Cristóvão corre o risco de ficar sem outras peças importantes. O lateral direito Fagner voltou a ficar de fora do treino desta manhã de quarta-feira por conta de uma entorse no tornozelo direito. O jogador, porém, ainda não é considerado carta fora do baralho pelos médicos, que farão uma reavaliação nesta quinta-feira.

‘Vamos aguardar para ver como o Fagner vai reagir no treino desta quinta-feira, pois o quasro dele é de evolução. Caso ele consiga participar sem problemas da atividade, será liberado para o jogo de domingo. Mas hoje ainda não é possível passar uma informação oficial sobre o aproveitamento dele contra o Figueirense’, disse o médico Fernando Mattar.

Além do departamento médico, Cristóvão Borges vem tendo em problemas burocráticos a origem de possíveis outros desfalques. O zagueiro Renato Silva ainda não chegou a um acordo com a diretoria sobre a renovação de seu contrato e, mesmo que isso aconteça ainda esta semana, o Vasco dificilmente vai conseguir regularizar o novo vínculo a ponto de o nome de Renato aparecer no Boletim Informativo da CBF (BID). Como Rodolfo se encontra em recuperação de uma cirurgia no joelho direito, a tendência é que Fabrício ou Douglas seja o companheiro de zaga de Dedé.

O volante Fellipe Bastos também corre o risco de ficar de fora por problemas burocráticos. O Vasco comprou junto ao Benfica, de Portugal, os direitos federativos do jogador e de Eder Luis, mas ainda não conseguiu fazer com que o novo contrato dos dois apareça no BID. Eder Luis está vetado e já será desfalque mesmo, mas o clube tenta regularizar o volante para que ele fique à disposição.

Porém não são apenas más notícias que Cristóvão recebeu nesta quarta-feira. O lateral-esquerdo Thiago Feltri, livre de incômodo no joelho direito, e William Matheus, também lateral esquerdo e que vinha sofrendo com uma gastroenterite, retornaram aos treinos. Mesmo sem treinar com o elenco, por fazer trabalho de reforço na academia, o meia Felipe está liberado para jogar.

Quem apareceu para treinar com os companheiros foi o volante Rômulo, que na semana passada foi negociado com o Spartak Moscou, da Rússia. O jogador não pode mais jogar pelo Vasco, mas vai treinar no clube até se apresentar à Seleção Brasileira para a disputa dos Jogos Olímpicos de Londres. Depois das Olimpíadas ele seguirá diretamente para a capital russa. O elenco do Vasco volta a treinar na manhã desta quinta-feira, quando Cristóvão Borges, já com uma posição um pouco mais definitiva sobre o elenco, vai esboçar a equipe que pega o Figueirense.