Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Econômica e cansativa: a alternativa rodoviária para ver Flamengo x River

Viagens de ônibus ou carro são opções para torcedores que querem assistir à final da Libertadores em Lima, mas não encontram passagens aéreas

Em nome da segurança e da impraticabilidade de seguir apostando na final da Copa Libertadores em Santiago, no Chile, a Conmebol acabou por complicar a logística de milhares de torcedores ao confirmar alteração do local da partida para Lima, no Peru. Como pôde-se atestar pelos congestionados guichês de companhias aéreas e call-centers de agências de viagem, os fãs dos finalistas River Plate e Flamengo terão de passar por um calvário burocrático para remarcarem as passagens ou reaverem o dinheiro já gasto. Aqueles que, em último caso, queiram começar do zero a aventura, precisarão desembolsar quantias exorbitantes, segundo levantamento feito nesta quarta por VEJA. Uma das alternativas que restam para quem mesmo assim não conseguir um assento numa aeronave é encarar o caminho entre Brasil e Peru pela via terrestre.

A Expresso Internacional Ormeño, companhia de ônibus peruana, disponibiliza passagens para Lima saindo de Rio de Janeiro, São Paulo e Rio Branco, no Acre – o estado da região Norte faz divisa com o Peru. Para realizar o sonho de ver o Flamengo na final da Libertadores in loco, será preciso desembolsar entre 2 000 e 2 300 reais apenas pelo deslocamento rodoviário. Uma barganha se comparada aos caríssimos preços dos voos ainda disponíveis avião, tem um custo adicional: o cansativo trajeto até Lima.

Segundo a empresa, a viagem pode chegar até a cinco dias, caso o torcedor saia do Rio de Janeiro. Existem, no entanto, opções que poupam relativamente as energias dos passageiros. Uma viagem de avião do Rio para Rio Branco custa cerca de 1 300 reais que, somados ao trajeto de ônibus da capital acreana para Lima, darão em torno de 2 300 reais. O preço da viagem de ida e volta, indo diretamente do Rio para o Peru, sai ao preço de 2 000 reais (confira no mapa abaixo). A cada dia de viagem, segundo a companhia, serão realizadas duas paradas em restaurantes, onde os passageiros poderão tomar banho e se alimentar.

Trajetos de ônibus até Lima Trajetos de ônibus até Lima

Trajetos de ônibus até Lima (./VEJA)

 

Os torcedores que ainda nutrem esperança de economizar dinheiro para ir à final da Libertadores precisam se apressar, pois somente um ônibus faz o roteiro até o Peru e, de acordo com a Expresso Ormeño, apenas 40 assentos ainda estão disponíveis para a rota que cruza o país até chegar em Lima.

Promoção do clube

O Flamengo anunciou nesta quinta-feira, 7, uma ação para seus torcedores. A Buser, uma espécie de Uber de ônibus e patrocinadora do clube, disponibilizou uma lista de cadastro para rubro-negros que, comprovadamente, adquiriram ingressos para a final da Libertadores. Os fãs selecionadores poderão viajar em um ônibus da empresa com destino à Lima por apenas 10 reais, que também dão direito a seguro viagem e estadia na cidade peruana.

Em uma segunda ação, por meio de seu Instagram, a Buser irá sortear passagens, estadia e até ingressos da partida para quatro torcedores que, de quebra, receberão o direito de levar um acompanhante para o Peru. A empresa, porém, não divulgou, por segurança, quantos ônibus sairão do Rio de Janeiro para Lima.

Outra alternativa para chegar a Lima, sem ter de enfrentar os preços caros de companhias aéreas, é viajar de carro. Uma ida do Rio de Janeiro para a cidade-sede da final da Libertadores, sem paradas, dá por volta de três dias e um total de 4 800km de distância. Saindo de São Paulo, a viagem diminui em seis horas, dando pouco mais de dois dias para dirigir por 4 400km. Em quase dois dias, é possível, também, percorrer os 2 195km de distância entre Rio Branco e Lima.

A final da Libertadores está marcada para o dia 23 de novembro, a partir das 17h (de Brasília), no estádio Monumental de Lima, no Peru. O Flamengo disputará sua segunda final da competição desde 1981, quando sagrou-se campeão frente ao Cobreloa, do Chile.