Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Dunga convoca seleção com Tardelli e Robinho no ataque

Treinador excluiu Kaká, Everton Ribeiro e Ricardo Goulart - que trocaram o Brasil por ligas distantes - da lista de convocados para jogos contra França e Chile

O técnico Dunga anunciou na manhã desta quinta-feira a lista de jogadores convocados para os amistosos contra França, dia 26, em Paris, e Chile, dia 29, em Londres. Havia a expectativa para saber se o treinador voltaria a chamar atletas que trocaram clubes brasileiros por equipes de centros menos tradicionais, como China, Estados Unidos e Emirados Árabes. E o único a se salvar foi o atacante Diego Tardelli, do Shandong Luneng. O ex-jogador do Atlético-MG se tornou o primeiro brasileiro em atividade na China a ser convocado para a seleção. Everton Ribeiro (Al-Ahly), Ricardo Goulart (Guangzhou Evergrande) e Kaká (Orlando City) haviam sido lembrados em listas recentes, mas foram preteridos desta vez.

Leia também:

Dunga descarta treinar seleções principal e olímpica simultaneamente

CBF promove mudanças na base após fiasco no Sub-20

Operado, Lucas para por um mês – e perde seleção de novo

A lista anunciada pela manhã na sede da CBF, no Rio, é a última antes da convocação para a Copa América, que será disputada em junho, no Chile. Dentre os atletas que atuam no Brasil, Dunga chamou os goleiros Jefferson (Botafogo) e Marcelo Grohe (Grêmio), os volantes Elias (Corinthians), e Souza (São Paulo), e o atacante Robinho (Santos). Eles desfalcarão seus clubes por pelo menos duas partidas dos Estaduais.

Uma das surpresas foi a convocação do lateral-direito Fabinho, que vem atuando como volante pelo Monaco. Dunga também promoveu o retorno do lateral-esquerdo Marcelo, do Real Madrid, que não vinha sendo lembrado nas últimas listas, e do meia Roberto Firmino, do Hoffenheim, destaque da equipe no último amisto, contra a Suíça. Philipe Coutinho, um dos brasileiros que mais vem brilhando no futebol europeu, também ganhou uma vaga no meio-campo.

O coordenador de seleções Gilmar Rinaldi também anunciou que o ex-atacante Jairzinho, campeão mundial com a seleção em 1970, será o auxiliar pontual contra Chile. Antes dele, Mauro Silva, Edu e Oscar já haviam assumido o posto. A seleção brasileira venceu todas as seis partidas desde que Dunga assumiu como treinador, após o fiasco na Copa do Mundo.

Os convocados para os amistoso contra França e Chile:

Goleiros: Jefferson (Botafogo), Marcelo Grohe (Grêmio), Diego Alves (Valência)

Laterais: Danilo (Porto), Filipe Luís (Chelsea), Fabinho (Monaco), Marcelo (Real Madrid)

Zagueiros: David Luiz (PSG), Marquinhos (PSG), Thiago Silva (PSG), Miranda (PSG)

Volantes: Luiz Gustavo (Wolfsburg), Fernandinho (Manchester City), Elias (Corinthians), Souza (São Paulo),

Meio-campistas: Oscar (Chelsea), Firmino (Hoffenhein), Willian (Chelsea), Phillipe Coutinho (Liverpool)

Atacantes: Neymar (Barcelona), Diego Tardelli (Shandong Luneng), Robinho (Santos), Douglas Costa (Shakhtar Donetsk)

(da redação)