Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Dracena vê empate justo e acredita na briga pelo título

Capitão do Santos, o zagueiro Edu Dracena fez uma análise equilibrada do empate com o Corinthians, na noite desta quarta-feira, na Vila Belmiro. Para o defensor, o Peixe não conseguiu encontrar espaços no forte sistema de marcação corintiano e, por causa disso, não obteve um resultado melhor no jogo atrasado da quinta rodada do Campeonato Brasileiro.

‘Foi uma partida muito truncada. As duas equipes procuraram marcar forte e o Corinthians veio jogar com o propósito de aproveitar os erros do Santos. E, infelizmente, o nosso time não conseguiu furar o bloqueio deles. Por isso, o Santos não conseguiu sair com a vitória’, analisou Dracena.

Para o zagueiro santista, a sua equipe teve um melhor rendimento em relação ao adversário na etapa complementar, porém, o empate ao final do duelo acabou sendo justo. ‘No primeiro tempo chegamos mais ao gol deles na bola parada e o Corinthians teve algumas chances. No segundo tempo, nós tivemos mais oportunidades que o Corinthians e estivermos perto de fazer o gol. Mesmo assim, acredito que no resumo do jogo, o empate foi justo. Não foi um clássico bonito de se ver, mas o que os treinadores pediram foi bem feito’, comentou.

Com o empate, o Alvinegro Praiano subiu para a 14colocação, com 15 pontos ganhos e duas partidas a menos, mas ainda está distante da briga pelas primeiras posições do Brasileirão. Apesar disso, Edu Dracena ainda acredita que o Santos pode, sim, brigar pelo título brasileiro desta temporada.

‘Enquanto houver chance vamos lutar. Até porque, esse é o nosso único objetivo na competição. A vaga na Libertadores do ano que vem nós já temos, por termos vencido o torneio neste ano. Agora, a cada rodada que passa sem que a gente consiga somar pontos, especialmente dentro de casa, acaba dificultando cada vez mais para chegarmos ao título. Os adversários estão ganhando e se distanciando. É complicado, mas vamos continuar na luta’, encerrou.