Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Dracena, Durval e Borges se recuperam e reforçam Santos na Libertadores

Por Da Redação 14 fev 2012, 08h34

Além de Fucile e Juan, laterais recém-contratados pela diretoria do Santos, o técnico Muricy Ramalho ganhou mais três ‘reforços’ importantes para a estreia do time na Copa Libertadores da América, contra o The Strongest (Bolívia), na próxima quarta-feira, em La Paz. Os zagueiros Edu Dracena e Durval, assim como o atacante Borges foram liberados pelo departamento médico do clube e viajaram com a delegação do Peixe para a Bolívia.

Dracena e Borges se recuperaram de desconfortos musculares, apesar de a contusão apresentada pelo capitão santista ter lhe deixado fora de combate por mais tempo em relação ao centroavante. Isto porque, o defensor ainda não realizou uma partida sequer nesta temporada.

‘Estou bem ansioso para estrear este ano. Me preparei bastante, mas ainda não estou em minha forma física ideal. Porém acredito que a vontade vai falar muito mais alto neste jogo’, explicou Edu Dracena.

Borges, que atuou no empate com o Oeste de Itápolis e foi substituído na derrota para o Palmeiras, já apresentando dores musculares, está de volta e prometeu empenho para balançar as redes pela primeira vez no ano.

‘Eu estou ótimo, graças a Deus. Me sinto recuperado. Trabalhei durante toda a semana, em dois períodos, para voltar a jogar bem. Estou pronto e quero voltar a fazer gols’, comentou o camisa 9 alvinegro.

Já Durval ficou afastado durante uma semana, em virtude de uma contusão na panturrilha esquerda. O zagueiro se recuperou e, mesmo tendo apenas feito um treino ao lado dos seus demais companheiros, será escalado por Muricy para a estreia na Libertadores.

‘Tive que fazer tratamento em dois períodos durante a semana, mas agora estou bem melhor. Na segunda (de manhã) foi o único treinamento que eu fiz com a equipe. Não senti nada e vou para o jogo’, encerrou Durval.

Desta forma, apenas o lateral esquerdo Léo, que se recupera de uma artroscopia no joelho direito, não poderá estar em campo diante do The Strongest. O experiente ala está em tratamento e só deve voltar a atuar no prazo de um mês.

Continua após a publicidade

Publicidade