Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Dorival acredita em título do Inter na Recopa e no Brasileirão

Por Da Redação 20 ago 2011, 17h27

Depois de confirmar o Internacional com força máxima diante do Flamengo neste domingo às 16 horas (de Brasília), no Estádio do Engenhão, o novo técnico do Inter, Dorival Júnior, há cinco dias no cargo, explicou não ter poupado ninguém em virtude da decisão da Recopa na quarta-feira: o time tem, segundo ele, elenco e apetite para ganhar as duas competições.

O treinador deve projetar contra o Flamengo a mesma equipe que pretende escalar diante do Independiente, da Argentina, no próximo meio de semana, pela partida de volta da Recopa Sul-americana.

Dorival garante que não privilegiará nenhuma competição: ‘Mantivemos um planejamento de não abrir mão do Campeonato Brasileiro, mas deixamos claro que quem se sentisse 100% para enfrentar o Flamengo deveria nos procurar. Como não vieram teremos todos à disposição neste domingo. Nós temos qualidade técnica, apetite e maturidade para duas conquistas’.

Um dos titulares será Tinga, que trabalhará como o terceiro homem do meio-de-campo, mais ofensivamente. O técnico explica a opção, mesmo ciente de que o jogador pode sofrer grande desgaste nessa função: ‘Caso ele sofra com desgaste, poderá ser substituído. Hoje, sua forma de jogar mudou e ele tem uma nova intensidade nas partidas. Aparece bastante na área dos adversários, acredito que ele pode ter mudado de um segundo volante para um meia de ligação’.

A provável escalação do Inter para os dois confrontos é: Muriel; Nei, Bolívar, Índio e Zé Mário; Élton, Guiñazu, Tinga e D’Alessandro; Jô e Leandro Damião.

A única mudança em relação ao time que enfrenta o Flamengo para o confronto da Recopa é a entrada do volante Bolatti, em fase final de recuperação.

Continua após a publicidade
Publicidade