Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Djokovic leva a melhor contra Federer e decide com Nadal em Roma

No duelo entre os melhores tenistas do ranking da ATP, o sérvio Novak Djokovic levou a melhor sobre o suíço Roger Federer, neste sábado, pelo Masters 1000 de Roma, na Itália. O número um do mundo venceu por 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 7/6 (7-4).

Os dois tenistas apostaram nas bolas de fundo de quadra como estratégia, mas foi Djokovic quem levou a melhor na maioria das jogados. No primeiro set, o sérvio ainda contou com o baixo rendimento de Federer no saque e ainda 19 erros não forçados cometidos pelo suíço.

O número dois do mundo melhorou seu desempenho no saque na segunda parcial e deixou a partida mais disputada, contudo, Djokovic ainda dominou a maioria das ações. O suíço reagiu e não deixou o líder da ATP acabar com a partida quando o set estava 5/4, levando a decisão da parcial para o tiebreak.

Todavia, Djokovic voltou a dominar no desempate e fechou a partida em sets diretos, resultado que o garantiu na final do torneio italiano. O sérvio enfrentará o espanhol Rafael Nadal, que passou pelo compatriota David Ferrer, também neste sábado, com parciais de 7/6 (8-6) e 6/0.

A decisão em Roma será a mesma do ano passado. Na ocasião, Djokovic levou a melhor com um duplo 6/4 nas parciais. Entretanto, o sérvio terá que encarar Nadal no saibro, piso cujo espanhol é especialista e já conquistou três taças apenas nesta temporada.

Além da dificuldade de vencer o número três do mundo na superfície de areia batida, Novak Djokovic ainda conta com um retrospecto negativo diante do espanhol, com 17 derrotas e 14 triunfos. Porém, contra Federer, o sérvio também levava desvantagem nos embates e conseguiu diminuir a diferença ao conquistar sua 11vitória, contra 14 tropeços diante do suíço.