Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Dirigente do Atlético-MG desconversa sobre futuro de Cuca

Kalil garante que decisão está nas mãos do treinador. Campeão da Copa Libertadores da América recebeu proposta da China para deixar clube brasileiro

Por Da Redação 15 dez 2013, 18h36

A proposta milionária do futebol chinês por Cuca não preocupa – a princípio – o presidente do Atlético-MG, Alexandre Kalil, que chegou neste domingo a Marrocos, onde o clube se prepara para a disputa do Mundial de Clubes da Fifa. Segundo o dirigente, o assunto deve ser deixado, por ora, em segundo plano.

Leia também:

Bayern desembarca no Marrocos e descarta favoritismo

“O Cuca vai definir seu futuro. Estamos a uma semana de um fato mais importante, que é o título”, disse Kalil. No sábado, o treinador confirmou ter recebido uma proposta Shandong Luneng, clube chinês que tem, entre seus atletas, o atacante Vágner Love. “Recebi uma proposta muito boa, passei para o presidente. Vamos discutir depois do Mundial. Depois dos jogos da nossa vida”, afirmou.

A notícia ganhou ares de surpresa em Minas Gerais. Há três semanas, o clube mineiro anunciou a renovação até o fim de 2014 com o treinador campeão da Copa Libertadores da América. O primeiro compromisso dos comandados de Cuca acontece nesta quarta-feira, diante do Raja Casablanca, de Marrocos.

Continua após a publicidade
Publicidade