Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Diretoria vai a treino do Cruzeiro cobrar vitória

Por AE

Belo Horizonte – Depois de três derrotas seguidas, com a eliminação no Campeonato Mineiro, a diretoria do Cruzeiro resolveu agir, temendo que o time caia também na Copa do Brasil. Neste sábado, antes do treino da manhã, os jogadores receberam a visita de toda a diretoria de futebol. Na conversa de 40 minutos, ouviram a ordem de que a reabilitação tem que vir na quarta-feira, contra o Atlético-PR, no jogo de volta das oitavas da Copa do Brasil. A partida foi confirmada para a Arena Independência.

“Estamos aqui dando apoio ao grupo, porque tivemos três derrotas e agora temos a obrigação de reverter esse jogo de quarta-feira contra o Atlético-PR. Temos que entender que essa é uma decisão para nós. Pedimos aos jogadores mais vontade e mais garra, porque conhecemos o grupo e sabemos da qualidade técnica de cada jogador. Podemos fazer esse resultado e por isso damos total apoio aos atletas e à comissão técnica”, disse o vice-presidente José Maria Fialho.

Também participaram da reunião o diretor Alexandre Mattos, o supervisor Benecy Queiroz e o gerente Valdir Barbosa, todos do departamento de futebol, além da comissão técnica e do elenco.

O capitão Fábio também acredita que o time precisa de uma nova postura. “Temos que mudar principalmente nossa forma emocional. Jogamos em uma grande equipe, mas sabemos que só a camisa e a história que ela tem não será suficiente para sobressair sobre os adversários. Temos que parar com essa forma de pensar e sim agir o mais correto possível, correndo muito, se dedicando tanto na hora de atacar quanto na hora de defender.”

Mostrando estar bronqueado com o elenco, o goleiro continuou: “É comprometimento de todos os jogadores, dentro e fora de campo. Temos que ter tudo isso, mas não adianta falar e chegar no jogo e não fazer o que foi treinado. Principalmente temos que nos impor, como jogadores de uma grande equipe.”