Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Dimas Fonseca anuncia saída da direção de futebol do Cruzeiro

O Cruzeiro terá uma mudança na diretoria ainda no início de 2012. Dimas Fonseca anunciou antes da partida deste domingo contra o Tupi, na Arena do Jacaré, a saída da função de diretor de futebol. Ele alegou um pedido familiar para tomar a decisão após um ano e meio no cargo.

‘Não estou me sentindo bem com uma situação com a minha família, meus filhos, meus pais, minha esposa, eles são mais importantes neste momento’, comentou.

No entanto, apesar das ponderações de Dimas Fonseca, a pressão no Cruzeiro era muito forte. Desde o ano passado, o clube passa por problemas dentro e fora dos gramados – inclusive na parte financeira. No Campeonato Brasileiro, o time de Belo Horizonte brigou contra o rebaixamento. Na estreia do Campeonato Mineiro de 2012, sofreu uma surpreendente derrota para o Guarani.

Mesmo com várias críticas, Dimas Fonseca evitou demonstrar qualquer tipo de insatisfação com os torcedores do Cruzeiro. ‘Eu já estive na arquibancada e fiquei magoado, chateado, sei que uma parte da torcida não está satisfeita, sei que não conseguimos agradar a todos. A vontade era ter acertado em tudo e não consegui’, disse o ex-dirigente.

O presidente Gilvan de Pinho Tavares alegou que tentou convencer Dimas Fonseca a desistir do pedido de demissão. Só que uma série de conversas fez o mandatário perceber que o companheiro já não tinha mais condições de trabalhar no clube.

Agora, a ordem é achar um substituto para a direção de futebol. Por enquanto, o nome é um mistério. ‘Nós vamos estudar, não podemos tomar uma decisão precipitada, vamos analisar bastante, sentar com o próprio Dimas e o Zé Maria para cobrir essa lacuna. Eu sinto demais a saída do companheiro, mas tenho certeza de que ele vai nos ajudar no dia a dia’, encerrou Gilvan de Pinho Tavares.