Group 21 Copy 4 Created with Sketch.
Ao vivoAmarelas ao Vivo entrevista João Amoêdo, do Novo

Evento de VEJA também vai ouvir os presidenciáveis Geraldo Alckmin (PSDB), Alvaro Dias (Podemos), Marina Silva (Rede) e Henrique Meirelles (MDB)

Desfalcado, Vasco tenta recomeçar após Libertadores

Por Sílvio Barsetti

Rio – O Vasco vai enfrentar a Portuguesa neste sábado, às 18h30, no estádio do Canindé, com um time desfigurado. Como se não bastassem vários desfalques confirmados durante a semana, o meia Juninho Pernambucano alegou cansaço e pediu dispensa da partida. Ele já estava com o grupo em São Paulo e surpreendeu o técnico Cristóvão Borges.

Como também não vai contar com o meia Felipe, suspenso, o Vasco perde muito na criação das jogadas. Para a vaga de Juninho Pernambucano, Diego Rosa deve ser escalado.

Ao decidir ficar fora do confronto contra a Portuguesa, Juninho Pernambucano abriu mão de R$ 50 mil. Isso é o que recebe por jogo disputado. Embora a justificativa tenha sido o desgaste físico, há no Vasco outras versões para a iniciativa do astro: ele estaria ainda muito abalado com a eliminação do clube na Libertadores, na última quarta-feira, diante do Corinthians, no Pacaembu.

Como pretende encerrar a carreira neste ano, Juninho Pernambucano tinha estabelecido como meta conquistar o título da Libertadores e, com isso, disputar o Mundial de Clubes da Fifa como despedida. Agora, porém, a eliminação nas quartas de final da competição continental frustrou seus planos.

Ainda sem contar com o zagueiro Dedé, contundido, Cristóvão Borges não vai poder escalar o zagueiro Fabrício, suspenso. Já o lateral-esquerdo Thiago Feltri está machucado, assim como o volante Eduardo Costa. Na lista dos excluídos para o jogo contra a Portuguesa acrescenta-se o volante Rômulo, um dos mais regulares do time, que está com a seleção brasileira na Europa.

No treino desta sexta, o atacante Alecsandro não reclamou mais de dores musculares e foi confirmado no ataque. Para Cristóvão Borges, os desfalques tornam mais difícil ainda a missão de já neste sábado dar início a uma nova etapa para a equipe, abatida pela perda do primeiro grande objetivo da temporada: vencer a Libertadores.