Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Depois do novo Fusca, vem aí o novo Santana

Sedã aposentado em 2006 deve voltar ao Brasil em 2013, no lugar do Polo

A Volkswagen segue ressuscitando modelos. Depois de apresentar o Fusca, a nova geração do New Beetle, no Salão do Automóvel de São Paulo, a marca revelou na noite desta segunda-feira, em Wolfsburg, na Alemanha, o novo Santana. Aposentado no Brasil em 2006, mas ainda produzido na China, o veterano sedã deve retornar ao país no ano que vem para ocupar o lugar do já obsoleto Polo. Ele, inclusive, estava cotado para fazer sua estreia mundial na mostra paulista, diante do CEO da VW, Martin Winterkorn, mas o evento não aconteceu.

Leia também:

As últimas informações sobre lançamentos, recall, test drives e mercado

Toyota Prius: bom para o ar, melhor ainda para a imagem

Por que os carros são tão caros no Brasil

Por aqui, o novo Santana brigará no mercado de sedãs compactos, atualmente aquecido com a presença de modelos como o Chevrolet Cobalt e o Nissan Versa. A nova geração do sedã vem equipada com motores de quatro cilindros e 16 válvulas, movidos a gasolina. A versão menos potente é a 1.4 litro capaz de gerar 90 cavalos. A opção 1.6 desenvolve 110 cv. Segundo dados da VW, o primeiro atinge médias de consumo de 16,9 km/l, enquanto o outro está apto a rodar 16,6 quilômetros com 1 litro de combustível.

Leia também:

Todas as novidades do Salão do Automóvel de São Paulo 2012

Carros-conceito: o que vai estar nas ruas só no futuro

Hyundai HB20 terá nove versões: de 32.000 a 48.000 reais

A lista de equipamentos de série do modelo é bem extensa e inclui entre outros itens freios com ABS, seis airbags – duplos frontais, laterais e de cabeça -, controle eletrônico de estabilidade, ar-condicionado automático, teto solar elétrico, rodas de liga leve e sensores de estacionamento. Na China, terá três opções de acabamento: Trendline, Comfortline e Highline, nomenclatura padrão também usada em outros países. Ainda de acordo com a VW, o novo Santana tem porta-malas com capacidade para 480 litros.

Leia também:

Em imagens, as outras estrelas do Salão do Automóvel: as modelos

Quer dirigir o superesportivo Audi R8 GT Spyder? É só agendar

Os supercarros de James Bond em 50 anos no cinema

Em termos de design, a nova geração do Santana exibe a atual identidade visual da gama VW, com linhas retas, presentes na grade frontal, nos faróis e lanternas. Vendido desde a década de 1980 na China, o sedã reinou absoluto entre os modelos mais vendidos, mas vinha caindo no ranking. Mas a VW segue firme na lista dos 10 mais vendidos na China, com quatro modelos: o Lavida, o Passat NMS, o Sagitar e o Jetta.

Leia também:

Ferrari, Mercedes, Audi, Viper, Porsche, BMW… um show de esportivos no Salão de SP

Test drive: o novo EcoSport, todo novo mesmo, e bem melhor

Mini Cooper S Roadster: o prazer de dirigir sem capota