Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Demitido, Mourinho tenta se esconder ao deixar o Chelsea

Treinador português foi demitido nesta quinta-feira, ao final de um semestre bastante conturbado pelo clube londrino

Por Da Redação 17 dez 2015, 16h01

José Mourinho parece não ter digerido bem a sua demissão do Chelsea nesta quinta-feira. O treinador português foi flagrado deixando o centro de treinamento do clube de Londres protegendo seu rosto com um capuz para fugir dos cliques dos fotógrafos – ao melhor estilo “bandido no camburão”. Em suas redes sociais, o Chelsea informou que houve “consentimento mútuo” entre as partes no desligamento. Segundo diversos jornais ingleses, Mourinho aceitou receber somente uma parte do valor da multa rescisória: ficará com “apenas” 10 milhões de libras (58 milhões de reais). Considerado o treinador mais importante da história do clube e idolatrado pelos torcedores, Mourinho viveu uma das piores temporadas de sua carreira em 2015: brigou com diversos jogadores, com a médica Eva Carneiro, no episódio que iniciou a crise no clube, e deixou o atual campeão na 16ª colocação do Campeonato Inglês.

Leia também:

Mourinho não baixa a bola: ‘Primeira fase ruim em 15 anos’

Crise no Chelsea: Mourinho coleciona confusões e já desagrada brasileiros

Mourinho a jornalista: ‘Entre no Google antes de fazer pergunta idiota’

Filha de Mourinho brilha em noite de premiação do pai

(da redação)

Continua após a publicidade
Publicidade