Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Del Nero chega ao Rio de Janeiro após sumir de Zurique

Presidente da CBF deixou o Congresso da Fifa antes mesmo da eleição presidencial. Ao desembarcar, o dirigente prometeu: 'Vou para a CBF para esclarecer tudo'

Por Da Redação 29 Maio 2015, 09h19

O presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, desembarcou no Rio de Janeiro no fim da madrugada desta sexta-feira. O dirigente surpreendeu ao deixar Zurique na quinta-feira, mesmo com as reuniões do Congresso Anual da Fifa ainda em andamento. No desembarque no aeroporto do Galeão, por volta das 4h30 (de Brasília), depois de um voo que partiu da Alemanha, Del Nero não quis falar sobre o escândalo da Fifa. “Vou para casa e tomar banho. Depois, vou para a CBF para esclarecer tudo”, prometeu o cartola. Sua presença é aguardada na sede entidade, na Barra da Tijuca, nesta manhã.

LEIA TAMBÉM:

Protestos marcam início da eleição na Fifa

Caso Fifa: Marco Polo Del Nero sumiu de Zurique

CBF retira o nome de José Maria Marin de sua sede

VEJA SP: Marco Polo Del Nero entra em campo na CBF

Del Nero decidiu voltar depois que sete dirigentes ligados à Fifa foram detidos na Suíça em um escândalo de corrupção, entre eles o ex-presidente da CBF, José Maria Marin. Apesar de não ter seu nome citado pelo FBI, o atual mandatário da entidade decidiu retornar ao Rio antes mesmo da eleição para o novo presidente da Fifa, que acontece nesta sexta-feira, e opõe o suíço Joseph Blatter e o príncipe da Jordânia Ali Bun Al-Hussein. O voto do Brasil na eleição da Fifa deve ser feito por um representante da CBF. O mais cotado é Mauro Carmélio, presidente da Federação Cearense de Futebol.

(Com Gazeta Press)

Continua após a publicidade
Publicidade