Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

De olho no Majestoso, Verdão enfrenta Ituano para assumir ponta

O torcedor do Palmeiras aguarda uma rodada favorável no final de semana para comemorar até a liderança isolada do Campeonato Paulista. Primeiro, o Verdão precisa fazer a sua parte: derrotar o Ituano, neste sábado, às 17 horas, no estádio do Pacaembu. Além disso, a ordem será torcer por uma igualdade no clássico do dia seguinte entre Corinthians e São Paulo – os três grandes somam 14 pontos na classificação.

Ainda assim, a ordem no Palestra Itália é comemorar a boa fase, com uma sequência de três vitórias consecutivas e a invencibilidade no ano. ‘Acho que esse ano tivemos mais tempo para treinar, por isso estamos rendendo melhor’, aposta o meio-campista Marcos Assunção, principal estrela ofensiva da equipe pelo talento nas bolas paradas.

Ao técnico Luiz Felipe Scolari resta a missão de evitar um clima de empolgação. Ele ressalta que o Verdão apresentou uma atuação consistente no clássico contra o Santos, no final de semana passado, porém voltou a encontrar problemas diante do XV de Piracicaba na quarta-feira.

‘Taticamente, o jogo contra o Santos foi nota nove, todos estiveram muito bem. Mas tivemos dificuldades contra o XV de Piracicaba, com jogadores atrasados na marcação, sem a cobertura efetiva, alguns fora de posição’, analisa.

Em contrapartida, Felipão acredita que os confrontos contra os pequenos proporcionam uma pressão maior ao Palmeiras. ‘Clássico é mais fácil de jogar, tem grandes estrelas, motivação, 25 mil pessoas na arquibancada. É o jogo que dá projeção e todos se esforçam mais’, compara.

Para o confronto diante do Ituano, o Palmeiras pode contar com novidades. Poupados diante do XV de Piracicaba, os laterais Cicinho e Juninho e o zagueiro Leandro Amaro aguardam o aval da comissão técnica para ficarem à disposição. Já o atacante Luan segue fora.

Mas o grande desfalque continua com o meio-campista Valdívia, vítima de um problema muscular. Desta forma, Daniel Carvalho, autor de um gol na rodada do meio de semana, irá seguir como titular no setor de criação. Por fim, fica a expectativa de uma chance para o atacante Barcos como titular.

No Ituano, a ordem é apagar o incêndio da derrota por 4 a 1 para o Bragantino em casa. O resultado, a propósito, determinou a saída do técnico Ruy Scarpino. Diante do Palmeiras, o clube do interior terá um comandante interino: o auxiliar e ex-volante Doriva, campeão mundial com o São Paulo em 1993.

‘Já conversei com alguns técnicos, mas ainda não foi possível a contratação. Alguns estão fora do nosso orçamento e outros estão trabalhando neste momento e não podem assumir. Para esta partida contra o Palmeiras, o Doriva que está conosco desde o início será o técnico’, justifica Juninho Paulista, administrador do futebol do Ituano.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS x ITUANO

Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)

Data: 11 de fevereiro de 2012, sábado

Horário: 17 horas (de Brasília)

Árbitro: Edson Reis Pavani Junior Arbitro

Assistentes: Eduardo Vequi Marciano e Maria Eliza Correia Barbosa

Assistentes adicionais: Fabio de Jesus Volpato Mendes e 2 Marcio Henrique de Gois

PALMEIRAS: Deola; Cicinho, Leandro Amaro, Henrique e Juninho; Marcos Assunção, Márcio Araújo, Patrik e Daniel Carvalho; Mailkon Leite e Barcos

Técnico: Luiz Felipe Scolari.

ITUANO: Douglas; Anderson Salles, Thiago Gomes e Victor Hugo; Alex, Allan Mota, Hugo, Kleyton Domingues e Gustavo; Alan e Evando.

Técnico: Doriva (interino).