Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Dagoberto sente ‘gostinho especial’ ao chegar ao Inter

Por AE

Porto Alegre – Dagoberto curtiu as férias até o último minuto possível. Saiu de Curitiba pela manhã, foi até São Paulo para rescindir seu contrato com o São Paulo e pegou o avião novamente para ir até Porto Alegre, onde vestiu pela primeira vez a camisa do Internacional. Festejado no aeroporto, ele chegou a tempo de se apresentar junto com o grupo e, de agora em diante, se dedicar ao novo clube.

“É como imensa alegria que me apresento ao Inter. Estou concretizando um sonho, um objetivo de longa data. Venho de uma família colorada e é muito legal ver a alegria do pessoal. Tem um gostinho todo especial vestir esta camisa. Quando eu era pequeno, lembro do meu pai colado no rádio escutando os jogos do Inter”, declarou o jogador.

Dagoberto tinha contrato com o São Paulo até abril e assinou inicialmente um pré-contrato com o Inter. O clube gaúcho depois acertou a antecipação da liberação do jogador, em troca de uma quantia financeira não divulgada. Assim ele pôde assinar contrato até 2016 com o Inter.

“Tudo acontece na hora certa”, disse o atacante, que pediu para usar a camisa 20. “Dia 20 de dezembro é a data do meu casamento. É uma homenagem à minha esposa. Uni o útil ao agradável.”

O diretor técnico Fernandão fez questão de ressaltar o envolvimento decisivo de Dagoberto na negociação: “Gostaria de agradecer o esforço que o Dagoberto fez. Não foi uma negociação fácil. O desejo dele e do seu empresário, Malaquias, foi muito importante. Ele abriu mão até de valores para viver este sonho da Libertadores”, destacou o ex-jogador, que foi companheiro de Dagoberto no São Paulo.